DIA NACIONAL DO DOADOR DE ÓRGÃOS E TECIDOS

Detalhes do evento

DIA NACIONAL DO DOADOR DE ÓRGÃOS E TECIDOS

Horário: 27 setembro 2008 às 9:00
Local: HOSPITAL ESTADUAL BAURU "ARNALDO PRADO CURVÊLLO"
Tipo de evento: DOADORES
Organizado por: ABTO
Última atividade: 27 Set, 2008

Descrição do evento

Para celebrar o Dia Nacional do Doador de Órgãos e Tecidos - 27 de setembro - a ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos) realiza, anualmente, uma campanha dedicada à conscientização sobre a importância do tema. Neste sábado, 27, a partir das 9h, o Hospital Estadual Bauru “Arnaldo Prado Curvêllo” também participa do evento com homenagens às famílias doadoras, como forma de incentivo às discussões e manifestações sobre ser ou não um doador de órgãos.

As famílias de 258 doadores (252 de córneas e 6 de múltiplos órgãos) são esperadas, o que representa a captação de 504 córneas e 12 rins. Na ocasião, os presentes ouvirão também as experiências vividas por algumas das 45 pessoas que passaram por transplantes desse tecido ou de rim no próprio HE. A cerimônia terá ainda participação do doador e receptora do primeiro transplante renal intervivos do Hospital Estadual Bauru.

O evento acontece pelo quarto ano consecutivo e é organizado não apenas para mostrar reconhecimento pelo benefício proporcionado aos que esperam por um órgão, mas também com o intuito de chamar a atenção sobre a necessidade das pessoas manifestarem, entre seus familiares, a vontade de ser um doador.

Somente os parentes mais próximos podem autorizar a doação de órgãos (pais, filhos, cônjuges). “É difícil para a família tomar a decisão pela doação quando acontece o falecimento, primeiro porque está fragilizada e segundo porque em geral não conhece a vontade do falecido” explica Márcia Vilma Silva, supervisora da Unidade Psicossocial do HEB. “Por isso é tão importante que as famílias conversem antes sobre doação de órgãos, para que todos conheçam a opção pela doação e a decisão fique mais tranqüila no momento da morte”.

A doação de órgãos, desde a captação até o transplante, envolve uma rede de profissionais e entidades que desempenham um trabalho estratégico e muito importante. A corrida contra o tempo tem o objetivo de salvar vidas a partir de um ato de solidariedade.

A captação de córneas e demais órgãos, além do transplante de córneas e rim, que são trabalhos desenvolvidos pelo Hospital Estadual Bauru, mobilizam uma equipe de enfermeiros, médicos, psicólogos e assistentes sociais da instituição, a OPO – Organização de Procura de Órgãos - regional Botucatu, Central de Transplantes e Banco de Olhos de Ribeirão Preto, Central de Transplantes de São Paulo e a Polícia Rodoviária do Estado de São Paulo.

Da Secretaria da Saúde

Caixa de Recados

Comentar

RSVP para DIA NACIONAL DO DOADOR DE ÓRGÃOS E TECIDOS para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Comparecer (1)

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço