A NOVELA MARANHENSE “A FAVORITA PELO UM GOLPE’’ PODE TER SEU CAPÍTULO FINAL HOJE COM JULGAMENTO DO TSE

CENA 1;

A novela maranhense A favorita pelo um Golpe pode ter seu desfecho final hoje com o julgamento do TSE que vai pedir ou não a cassação do governador Jackson Lago. A versão da novela a Favorita pelo um Golpe começou a ser gravada em um aniversário quando foram capturadas algumas cenas de descontração entre o protagonista aproveitador e certo amigo causídico PROCURADO por ele [protagonista] para lhe conceder um pequeno favorzinho.

Em troca ele [causídico] ganharia uma promoção judiciária e de sobra para manter a saúde e não correr o risco de contrair um ataque cardíaco MORTAL aulas em sua ACADEMIA que tem por nome as suas LETRAS inicias. Essa foi a cena de abertura da novela com duração de 40 minutos com o seu final gravada em Brasília diretamente dos estúdios do PROGERC.

A primeira novela mexicana feita no Maranhão tem como estrelas no elenco: estrelando José Sarney (no papel da vilã Flora de bigode); Fernando Sarney (no papel de Doddy das notinhas de cinqüenta); João Alberto (no papel de Silveirinha leva tapa); Roseana Sarney (A Favorita pelo um golpe); Jackson Lago (no papel da perseguida Donatela); Ex-Governador José Reinaldo Tavares (no papel do destemido jornalista Zé Bob); blogueiros do Sistema Mentira de Comunicação (no papel do farsante, enganado e indeciso Orlandinho);

CENA 2;

Viram como o ‘escândalo Lunus’ de 2002, quando Tia Rose era a FAVORITA nas pesquisas para ocupar a presidência da república, foi destaque na novela “A Favorita pelo um Golpe”, num capítulo da semana passada!!! Pois é, o vilão Doddy, personagem de Fernando Sarney, procura um maranhense, vizinho de ‘Baiano’, para saber se este recebeu alguma visita nos últimos dias. Ao terminar de ouvir, Doddy Fefé entrega ao vizinho uma nota de 50 reais como forma de recompensá-lo e comenta: “Toma aqui, cinqüentinha pra você inteirar na sua passagem de volta pro Maranhão”. Insatisfeito com a ‘gorjeta’, o maranhense ‘fecha a cara’, ao que Doddy Fefé dispara: “O que foi? Não gostou? Pois fique sabendo que na nossa terra só os políticos fazem coleção de cinqüentinha”. Credo! Essa foi na ‘moleira’ dos ocupantes da Casa Mal Assombrada!!!

E tem mais!!! Alguns blogueiros ‘boca-preta’ de ‘baixa-extração” do Sistema Mentira interpretados pelo personagem São Paulino Orlandinho tentaram explorar o fato, com o devido corte ao trecho em que Doddy Fefé cita a “coleção de cinqüentinhas”. O mais gozado é que os ‘cabras’, num ato falho “pra lá de escrachado”, afirmaram que a novela A favorita pelo um Golpe estaria “mandando os bandidos para o Maranhão”, se já não bastasse o amontoado de mestres e doutores em pilantrogia que aqui já estão. E olha que o professor Doddy Fefé em nenhum momento chamou alguém de bandido! É mole ou quer mais? Tome tento rapaziada!!!

Acompanhe nesse post a continuação da novela, daqui a pouco exibiremos mais cenas do próximo capítulo.

John Cutrim Jornal Pequeno http://www.jornalpequeno.com.br/Blog/JohnCutrim/

Exibições: 41

Anexos

Responder esta

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço