História é uma Ciência estuda o hoje. O Vaticano beatificou João Paulo II. Entender o processo é um convite para a Idade Média:

Exibições: 144

Responder esta

Respostas a este tópico

O papa Jão Paulo II até que foi um carinha legal, mas daí a ser beatificado?  E tudo rapidinho! O dia que os católicos se acordarem, com todo o respeito, essa igreja acaba! Com num passe de mágicas!

" carinha legal!!"

???????????????????

jamais.....

 

STELLA MARIS,

 

Carinha legal uma pindoia!

Legal foi JOÃO XXIII, que

até hoje não foi lembrado

pra beatificação?

A meu ver, João Paulo II

só se popularizou no mundo

por ter se empenhado na

queda do Comunismo.

Mas aí é que veio toda

sua falta de responsabilidade:

deixar que o Capitalismo

reinasse sozinho, todo poderoso,

sem que ninguém contestasse

sua ganância. Então, concluo:

tivesse João Paulo II consciência

da importância de todas as

Cartas Encíclicas de seus

antecessores, como: Rerum Novarum,

de Leão XIII, Mater et Magistra de

João XXIII, Populorum Progessio,

de Paul VI, e muitas outras

de teor social, repito, João Paulo II

teria forçado uma nova opção

ao mundo: um Socialismo Cristão

fundado nestas encíclicas papais.

Ou Não?!

 

Abraço,

 

Marco Nogueira

marco antonio

concordo com vc.. em numero, grau.. e tudo o mais..

 

Penso que santificar, só mesmo Deus. FEZ FAZ E FARÁ,

dentro de minha comcepção. Também imagino que a ICAR

tem sua Estória e História. Esta úlltima só Deus

sabe. Mas reipeito as tradições de todas as

religiões que PROCURAM FALAR DE CRISTO

E FAZER, PELO MENOS GRANDE PARTE,

QUE ESTE SANTO FEZ. Aí estão e de lá estão,

OCIDENTE E ORIENTE.

   Qualquer religião que interessar pode

qualificar um Humano  "santificá-lo", seria

a democracia religiosa. Quando falamos,

por força de expressão que aquele homem

é uma "moça" ou que minha mãe é uma santa,

na verdade, apesar de ser uma nota subjetiva,

estamos comparando.

POSSO AFIRMAR QUE DEUS NÃO TEM PARTIDO

POLÍTICO E QUE NO CASO DE JESUS QUE ERA

UM HOMEM SIMPLES E COMPLICADO PARA OS

ESTOCAVAM UU QUERIAM GRANDE QUANTIDADE

DE MATÉRIA.

NAS ESCRITURAS FOI É E SERÁ AQUELE QUE

TEM A SOMA DO AMOR DE TODAS AS MÃES.

 

UM GRANDE PRESENTE PARA NOSSO PLANETA,

CREIO EU, SERIA A UNIÃO DE TODAS AS RELIGIÕES.

 

PERDÃO, PERDÃO, PERDÃO ......

JUNÇÃO, JUNÇÃO, JUNÇÃO .....

 

CHEFE MAIOR: D E U S

 

ENTÃO, VAMOS PRATICAR CRISTO,

VAMOS PRATICAR OUTROS BONS.

 

OS DE BEM COM DEUS QUEREM ISTO.

E PENSO QUE NÃO PODE DEMORAR.

 

lcs

 

 

 

 

Quando o texto fala que no primeiro milênio houve 73 Papas promovidos a Santos e no segundo apenas 5 é muito interessante ver o movimento do atual Papa. Os Engenheiros do Hawaii disseram que JPII foi o Papa Pop e a aceleração para o processo de sua beatificação inqueieta quando se considera que a Igreja quer fortalecer sua imagem a partir da promoção de um seus maiores líderes. Seria esse o movimento para uma espécia de "nacionalismo" cristão?
É isso mesmo um carinha legal! Todos lembram quando ele esteve no Brasil, naquele tempo até eu era catolico, ele passou por várias ruas em carro aberto, parecia de fato um líder popular, e que tal essa: um carinha carismático! Mas trocando em miúdos, quero dizer que ele representava bem a igreja dele, era bem visto pela sociedade, dizia "coisa com coisa", se é que me entendem. Agora essa igreja resolveu "elejer" um sujeito muito estranho, impopular, esquisito, um sujeito que até faz propaganda para a direitona radical do Brasil! Coisa de loco!!!

pois eu mesmo estudando teologia..

quando da  passagem da comitiva papal( 1980) por minha rua..

.. fechei minhas portas em sinal de protesto....

uma Igreja que desde sua formação se desvirtuou da mensagem  de  Cristo..( que usam como seu fundador..)

Cara Stella Maris, eu não questiono a igreja catolica, eu apenas acho que ela está na mesma faixa evolutiva das outras igrejas dogmáticas, ou seja na idade da pedra, todavia as pessoas tem o livre arbitrio, se eles querem o problema é só deles. A bem da verdade essa igreja até que já evoluiu um pouquinho... Pelo menos não passa mais, a espada no pescoço das pessoas que não aceitam seus dogmas, (cruzadas); nem mesmo as queimam em praça pública... Santa inquisição!
Concordo com vc. benevenuto
Em pleno início do século XXI e três fatos anacrônicos aconteceram simultâneamente: beatificação de papa, casamento de príncipe e bombardeio da Líbia.
Primeiro, o "carinha legal" chamou o capanga (Ratzinger) e arregimentou todo mundo que poderia somar contra a Teologia da Libertação. Nesse esforço, deu cargos e poderes a todos os pedófilos da Igreja.

Aqueles do México, que curtiam "orfanatos" e aquele do Canadá, que se amarrava em crianças surdas-mudas (duzentas, pois o tal cidadão era "atlético"). Vista grossa a granel... Tornar-se-á o santo padroeiro dos "apetites inconfessáveis"?

Praticamente acabou com a Igreja com propósitos sociais, repetindo no século XX a lambança que a Igreja dele fez com os indios das Missões. Lambança da qual ele pessoalmente pediu "desculpas" anos antes, dizendo que "não aconteceriam nunca mais"...

De lambuja, jogou na lata do lixo a única corrente de pensamento importante surgida na américa latina e, em particular, no Brasil. Nem sou fã da Teologia da Libertação, mas fazerem isso no século XX?

Quem já leu a Bíblia uma única vez que seja, sabe que, em Romanos, Paulo deixa claríssimo, só não vê quem tem má fé (seria um trocadilho?): na comuinidade de cristo só se entra abandonando os bens privados. O único sujeito que a divindade cristã (Jeová, Iavé, Deus) mata individualmente é um sabidório que esconde a grana do coletivo.

Comunismo cristão, esse é o nome. Coisa "da época", "peculiaridade do contexto"? Então porque a condenação ao homossexualismo (bem menos importante na dogmática cristã) permanece ao pé da letra? O verdadeiro cristianismo é comunista. E o que define historicamente esse "papa beato" é o anticomunismo!?! Ele foi santificado por ser "anticristão"?!? Anticristão? Anticristo? Anticristo...

Depois, o "carinha legal" ficou doente e contrariando tudo o que hipocritamente prega a Igreja, foi lá e praticou, na cara de bilhões de pessoas, a eutanásia. Claro! Preferiu "morrer com dignidade em casa" a definhar ligado aos aparelhos. Uai! O certo não é ficar ligado nos aparelhos e aguardar a vontade divina? No caso de papas deve ser diferente, afinal os cardeais precisam fazer "a fila andar". Veja se teria sentido um Papa ficar ligada a aparelhos durante dez, quinze anos...

A propósito, que santo mixuruca, teve que tomar remédio, fazer tratamento... beatificado então, deveria ter sido o médico que o manteve vivo até a hora em que resolveu cometer suicidio!

Para acabar, botou no seu lugar um "ex"nazista, comandante da inquisição. Uma tragetória santa até o fim!

Resumo da ópera: influenciando o poder LAICO de nações livres, esses caras não deixam ninguem fazer morrer com dignidade, ninguem praticar bigamia, ninguem fazer sexo com quem sentir desejo, ninguem tentar transformar a vida social, etc, etc, etc. Tudo isso eles dão um jeito de forçar a barra e tornar ilegal. No fim das contas, não ser cristão (pratica-lo) dá CADEIA!

E eles fazem tudo isso e da maneira mais moralmente indefensável possível!

Santo sou eu, que dou isenção de impostos e pago SUS, polícia, iluminação pública, saneamento e infrestrutura para essa cambada usar sapatos Prada.

Tenho todos os defeitos do mundo, mas não tenho o pior: não sou cristão. Graças a deus!!!

RSS

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço