O vice-presidente da República, José Alencar, elogiou nesta segunda-feira (21) o novo visual da ministra Dilma Rousseff (Casa Civil), que apareceu pela primeira vez em público sem peruca desde que iniciou sessões de quimioterapia para tratar de um câncer no sistema linfático. Ele, que também luta contra um câncer, destacou ter perdido o cabelo devido a quimioterapia assim como a ministra.

“Eu já passei por isso. Eu também perdi o cabelo, mas agora está nascendo. Eu estou meio calvo ainda, mas está nascendo. Agora, está bonito o cabelo dela. Está moderno”, disse o vice-presidente.
Alencar endossou a preferência do presidente Lula para que Dilma seja candidata em 2010. Alencar afirmou que a ministra é “brava” e que o Brasil precisa disso.

“Há uma característica na pessoa da ministra Dilma que deve ser observada: ela é uma mulher brava e nós precisamos sempre que a frente do governo esteja alguém com determinação, com seriedade, com competência. A Dilma possui tudo isso. Não é por acaso que o presidente Lula a escolheu como sua indicada. É porque ela merece e o Brasil também merece que ela esteja à frente da República”, disse Alencar.
“Se alguém prendeu a Dilma, se alguém torturou a Dilma, achando que ali tinha acabado a luta dela, eu digo que ela é hoje uma possível candidata à Presidência da republica deste país”, disse Lula, sendo interrompido por aplausos das centenas de pessoas presentes à cerimônia.

Exibições: 95

Responder esta

Respostas a este tópico

Ficou muito melhor!
tb achei Cida, ficou renovada.

O timing foi perfeito. Depois de não brilhar na COP15 a mudança da imagem vai bem para a candidata.
Lucas,ninguém consegue brilhar ao lado de Lula.
Realmente deve ser bem difícil. Mas, a derrapada dela no discurso e outros fatos menores, renderam mais mídia do que qualquer outra coisa que ela tenha feito.
Toda derrapada da Dilma será sempre bem explorada pela midia ...
A "merda" de Lula, foi espalhada, comentada em vários artigos.
E ai !!!! passou, a derrapada tbm vai passar.
Ainda + agora com esse cabelo, ficou + nova e + suave.
Com peruca ou sem peruca! "Tô nim aí". È minha heroína e continua sendo. De todos os que eu admirei durante a ditadura, ela é uma das poucas pessoas que ainda não me decepcionaram. Muitos que eu considerava herois, não aguentaram o "cheiro da brilhantina" e mudaram de lado. Ela não! Continua firme e segura! E linda!

RSS

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço