Olá Azenha,

Um pensamento não sai da minha cabeça. Não sei se apostaria todas minhas fichas nele, mas acho uma teoria a ser considerada.

Fato é, que diferente do que muitos acreditam, se confirmada (de fato) a candidatura de Serra creio que o PT nunca deixaria a CPI da privataria rolar. A CPI já está engavetada por diversos motivos, seja o legado pouco louvável (pra dizer o mínimo) do seu José Mentor, ou atuação ridícula do Rui Falcão na campanha das últimas eleições – esqueletos petistas que o livro tira do armário. Ou ainda pela falta de coragem e ousadia que o PT no governo se caracterizou.

Com o Serra candidato diminuem ainda mais as chances do PT topar a CPI. Isso porque uma CPI dessas em ano eleitoral seria taxada como jogo sujo, como algo que desvirtua o embate de idéias, como apelar pros ataques à pessoa do candidato, etc. E o PT, do governo federal e em especial o de SP, odeiam ficar com a aparencia de esquerda “de fato”, de radicais, da militância, da base. Eles adoram sair com cobertura positiva na Folha de São Paulo ou no JN, adoram vazar notícia pra esses caras e vivem de namorico com nossa elite. Apesar de sempre apelarem para a base quando as coisas apertam.

O Serra não é bobo, ta…talvez até seja um pouco, mas ele conhece o PT. Sabe muito bem dessas características, e acredito que no cálculo da decisão dele entra a CPI da privataria. Ele aposta que o PT não teria a coragem de iniciar uma CPI “contra” um candidato em plena campanha (apesar do livro chegar em seus parentes, mas nunca nele). E mais, que pro PT fazer a CPI “contra” um político sem campanha e sem cargo seria mais fácil, ainda mais se por tabela prejudicasse a imagem do partido e de outro candidato para a prefeitura.

Por isso acho que o Serra, além de todos os outros motivos, sairá para prefeito (como está se confirmando) e que com isso, infelizmente, seu cálculo nesta questão estará correto. Ao menos esse ano não teremos CPI da Privataria, se é que um dia chegaremos a ter.

O pior é que a decisão de termos ou não a CPI é única e exclusiva do PT (pelo Marco Maia).

Um abraço

Gustavo Ferroni

PS: As vezes fico com a impressão que, da forma com que as assinaturas da CPI foram conseguidas, com todo aquele frenesi do livro ocorrendo e tal, nem o Severino teria conseguido segurá-la. Só o PT mesmo pra se prestar a esse serviço…mas as vezes também acho que estou exagerando. 

Extraído do Vi o Mundo, do Azenha - http://www.viomundo.com.br/politica/gustavo-ferroni-pensando-alto-s...

Exibições: 89

Responder esta

Respostas a este tópico

O PT de S.Paulo parece "mulher de malandro" que adora apanhar.

Toda eleição é a mesma ladainha, o PSDB e seus aliados batem até cansar no PT e este sequer esboça uma reação e quando o faz é incompetente e desastrado.

Não bastasse isso, os governos da capital e do estado "armam" e dão "munição" de sobra para o PT usar em campanha, mas infelizmente nas campanhas o PT parece perder a memória.

Se fosse o inverso, a oposição estaria fazendo o maior alarde e usaria a tal CPI durante toda a campanha.

E o maior erro do PT em S.P. é querer agradar a Elite, sendo que a maior parte da população mora na periferia e tem baixa renda.

Na eleiçao da Dilma, nem queriam usar as fotos das porradas nos professores, só no final usaram. Acharam que iriam ganhar apenas com discursos e imagens bonitas de marqueteiros 

Prezada Anarquista.

Como legítima anarquista já pensaste na possibilidade de haver  um poder extrapartidário que decide quais partidos ocuparão os cargos executivos e legislativos e para não haver manifestações, deixam o povo achar que as eleições são lícitas ?

Gabriel Lemos,

Admiro o PHA em vários aspectos mas essa ladainha de PT de são paulo não tem cabimento.

Afinal, o PT surgiu em são paulo, mas a direção do partido é nacional, aliás, encabeçada por Lula.

Então tem muito mais a refletir sobre o que acontece na política nacional do que essa simplificação de que tudo é culpa do PT de são paulo. É culpa, entre outras coisas, do PT. Ponto.

Ou as mazelas que ocorrem aqui não ocorrem em minas, rio, bahia, acre, e outros menos votados, alguns em que PT é um nada.

Talvez a questão primordial seja que tal qual no futebol (comparação muito usada por Lula), todo mundo é técnico, mas jogar mesmo é 11 de cada time.

Falta efetiva participação e aí entre um pouco de culpa do PT de ter deixado as bases de lado.

Mas também as bases não garantiam eleições, certo? Porque seria?

Esse poder suprapartidário a que vc se refere lá embaixo, seria justamente essa participação, mas a gente tá acostumado com representação. Elege e sequer cobra. Os poucos que cobram são fáceis de ser isolados.

Quantas manifestações foram chamadas por blogueiros, entidades civis e sequer isso frutificou?

Como diziam os antigos, falar é fácil.

Agora que o PT NACIONAL está devendo em termos de organizar, apoiar os parcos movimentos que surgem e transformar isso em força política, em lugar de conchavar nos gabinetes, isso está.

E a hora que perceber, já era.

Uma pena porque é um dos poucos partidos dignos desse nome, criado das bases, com elevada participação da militância, que hoje, bão deixa pra lá.

Além disso, para conseguir se eleger dentro desse sistema inevitavelmente deve ter deixado um monte de fio solto de que agora fica refém.

Discordo do texto que diz que o Serra vai se candidatar para se imunizar.

A verdade é que já está imunizado faz tempo.Ele e a corja toda.

Não foi por menos que fizeram o escandalo do mensalão, foi pra isso mesmo.

Pra desatar esse nó imenso acho que não vai dar pra ser o PT não.

O caminho tem de ser outro, aquele que levou ao próprio PT a 30 e tantos anos.

Ou vamos tocando em frente nesse passo de tartaruga.

E vai ter de ser outra vez em são paulo, porque, bão deixa pra lá.

RSS

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço