Muito se fala neste 11 de setembro, do ano de 2001, nos Estados Unidos da América, mas o fato que resultou nesta tão absurda violência continua a ser propositadamente oculta pela mídia, para se viver uma consternação manipulável, criando-se assim uma visão Hollywodina do acontecido.

         Analisemos a verdadeira motivação que resultou naquele ato hostil e covarde contra pessoas inocentes, mas que na verdade, nada mais foi do que uma resposta as incursões americanas, contra diversos povos soberanos e indefesos pelo mundo, os quais foram diversas vezes ameaçados, atacados e obrigados a se sujeitarem as vontades soberanas da potência imperialista (Estados Unidos da América), num ato claro de terrorismo de estado.

   Não há o que justifique agressões a inocentes, de qualquer lado, e mesmo que a imprensa e o governo “americanos” tentem justificar seus próprios atos de violência, para obter apoio para estas agressões a outros povos pelo mundo, com falsos argumentos de estar a se defender, escondem na verdade interesses econômicos e políticos de dominação estratégica, e que só causam dor e morte as populações envolvidas.

     Digo que 11 de setembro, foi o dia em que alguns homens, num ato de covardia e insanidade, cometeram um crime contra seus opressores, e se insurgiram contra a tirania maior do imperialismo americano.

        Nenhum dos atos se justifica, e não podemos dar vazão a vinganças num mundo que necessita de paz, mas não podemos deixar de indagar, da necessidade de uma analise mais crítica sobre os atos terroristas praticados pelos Estados Unidos e seus aliados, contra alguns estados soberanos e seus povos, que tem o direito de fazerem sua história, e não de servirem como desculpa para serem invadidos, humilhados e manipulados, e o pior, com a falsa justificativa de ajudar a quem não está pedindo ajuda. Afinal, quem foi que deu autorização para os Estados Unidos e seus aliados, a se considerarem a polícia do mundo?

      11 de setembro, o dia em que os americanos deveriam rever seus conceitos sobre seu poder e sua atuação imperialista sobre o mundo.

       O mundo no dia de hoje deve estar de luto, mas atento aos 11 de setembro que acontecem pelo mundo, e principalmente pelos povos que não podem se defender do terrorismo intentado pelos estados imperialistas, que através de seus atos, matam e destroem com muito mais eficácia, do que o ocorrido em 11 de setembro de 2001.

Exibições: 57

As respostas para este tópico estão encerradas.

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço