Segunda-feira, 2 de Março de 2009

Amigos, acabei de assistir o Jornal Nacional e resolvi escrever o que analisei de uma matéria sobre o MST e o Governo Lula. Vai lá:

Plim, Plim!


O CASAL BONNER E OS CRIMINOSOS SEM TERRA!


Sobre o caso da ocupação da fazenda de Daniel Dantas eles dizem:



* Dantas é um dos sócios da fazenda, não dono.

* Omitem que a fazenda está situada em Eldorado do Carajás, região de conflito e de massacre de sem terras.

* Pegam um caso isolado, de outra região, onde integrantes do MST são acusados, mesmo não havendo provas contra eles, de matarem seguranças de uma fazenda, e tentam colar uma matéria na outra.

* A intenção é sensibilizar a população contra o MST. É deixar uma mensagem subentendida segundo a qual os militantes desse movimento são criminosos. É macular o governo.

* Entrevistam o Ministro Tasso Genro que afirma não haver aumento da violência por causa desse suposto crime e nem por causa da ocupação. O ministro diz que o Estado deve apurar os crimes quando provocado.

* Reproduzem a entrevista do sábio Lula, que diz que não podemos admitir que matem quatro pessoas com o pretexto da legítima defesa ("e não podemos mesmo"). O Presidente afirma que a justiça deve apurar então as responsabilidades. ("Isso já está sendo feito").

* O casal omite as centenas e milhares de mortes de trabalhadores nos campos do Brasil, nas útimas três décadas, a maioria delas nunca divulgadas no Jornal Nacional.

* De uma forma tão pura, ingênua e despropositada tentam criar na população a sensação que há uma divisão entre Presidente e seu ministro, no caso o Tasso. Tentam manchar o governo.

* O casal global tenta assim, não por eles mesmo mas pelo Senhor das Trevas (diretor de jornalismo da Globo), causar o sentimento de indignação na população do tipo: olha aí um Ministro acobertando crimes.

* O casal procura descolar da matéria e do caso o pivô dessa ocupação da fazenda do Dantas, o Gilmar Mendes. A invasão ocorreu em protesto contra os comentários do Nobre Ministro, presidente do STF.

* O casal trata Daniel Dantas como um honroso cidadão e não como um bandito condenado pela justiça. Caso fosse um dos seus inimigos (petistas, militantes de esquerda, sindicalistas, membros de movimentos sociais...), mesmo não havendo provas ou crime, já estariam condenados.

Eles conseguem sim convencer tantas pessoas simples, sem formação. Pessoas outras que renunciaram, ou nunca se dispuseram a usar por conveniência, a criticidade da própria mente.


OBS: Caso queira ver o restante da discussão entrem em:

www.professorrailtonsouza.blogspot.com

Boa noite!

Exibições: 385

Responder esta

Respostas a este tópico

Charles Leonel,

Para complementar o que faltou:

'Afirmo tal qual você o valor do Estado Democrático de Direito ainda que, é verdade, tenhamos que defender irrestritamente o direito daqueles que estão, legitimamente, defendendo o contraditório do que afirmamos.'

Salve o Rio Grande do Sul! Salve a história de luta desse povo gaúcho!

Abração,

Railton
Railton:

Estamos de acordo!

Charles

RSS

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço