Portal Luis Nassif

Estou como outros iniciando a minha participação no conjunto temático da discussão e interessa-me sobremaneira levantar as formas e possibilidades da população enquanto cidadã efetivamente atuar diretamente na questão que segundo os técnicos tem como fundamento a não geração de LIXO o que nos remete a uma impossibilidade latente, porém temos que entender que se não é possivel evitar a geração que pelo menos todos compreendamos que devemos lutar conscientemente para limita-la ao mínimo. Reciclar, Classificar, Segregar e acima de tudo destinar convenientemente é um bom princípio de caminhada.
Voltarei ao assunto.

Exibições: 23

Respostas a este tópico

É Luiz, vc tem razão, como de resto, todos nós que sofremos direta ou indiretamente, os efeitos dos danos ambientais decorrentes dos residuos que são gerados por cada um de nós. A muitos anos passados (antes do advento do PC) fiz uma correspondencia à Prefeitura de Salvador - BA, onde graças a Deus nasci, já propondo uma ação efetiva no entido de incentivar a gestão racional do tratamento do residuo urbano, a partir do nascedouro, ou seja da casa de cada um de nós, e pasme, até hoje tanto aqui em Salvador na Bahia como em qualquer municipio do pais a proposta me parece válida, pode não ser original mas pode e deve ser considerada, é o seguinte:
A Prefeitura estabeleceria parcerias (hoje com coopertiva d catadores) e também dentro das suas própias células de seleção de residuo no sentido de que fosse distribuido com a população, sacos para lixo (resistentes) com emblamas da propria Prefeitura e do parceiro patrocinador (sacos com cores e padrões ecologicos diferenciados) para que a população se condicionasse a já disponibilizar o residuo classificado, mesmo que no primeiro momento fosse apenas a separação de ORGÃNICOS E NÃO ORGÃNICOS seco e úmido. Certamente a partir daí a forma de coleta e destinação teria uma melhoria e significado final surpreendente, pergunte aos estudioso da matéria.
E vamos em frente, se cada um de nós fizermos a nossa parte ao inves de culpar o outro, teremos sucesso.

RSS

Publicidade

© 2017   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço