Portal Luis Nassif

Jacqueline Ventapane
  • Feminino
  • RJ
  • Brasil
Compartilhar no Facebook Compartilhar
  • Mensagens de blog
  • Tópicos (3)
  • Eventos
  • Grupos (2)
  • Fotos
  • Álbuns de Fotos
  • Vídeos

Amigos de Jacqueline Ventapane

  • Ednamay Cirilo Leite
  • Zé da China
  • luiz carlos luduvice corcino
  • Camila Souza Ramos

Grupos de Jacqueline Ventapane

Presentes recebidos

Presente

Jacqueline Ventapane ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de Jacqueline Ventapane

Informações do Perfil

Profissão
historiadora

Caixa de Recados (12 comentários)

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Às 12:40 em 29 março 2010, Liu Sai Yam disse...
Uau! Mudança de visual!
Lindonas, mãe e filha.
Rio de Janeiro continua lindo?
Apareçam, viu?
Beijos.
Às 19:50 em 13 abril 2009, Zé da China disse...
Tá, tá.
Pra descontrair (descontrair?!)

Às 20:43 em 2 abril 2009, Liu Sai Yam disse...
Querida Jac,
Nada de dar um gostinho e sair de fininho.
Não aceito!
Faça o favor de voltar.
Às 9:06 em 9 janeiro 2009, Liu Sai Yam disse...
Bom dia, Jackie!

Obrigadão pelo texto, que belo reforço, visão "inside", ainda nos primórdios e terrivelmente premonitório.
A parte em que cita as contribuições financeira da comunidade judaica ocidental e como iniciativas humanitárias acabam revertendo em ferramenta para políticas colonialistas.
Naquele momento, havia ainda como "segurar" um processo cujo (trágico) resultado era previsível.
Vou comentar à noite, porque precisa "folego" e leitura mias cuidadosa.
Por enquanto, obrigado mesmo, e se tiver mais adendos tão informativos, vá mandando, por favor.
Às 14:19 em 4 janeiro 2009, Liu Sai Yam disse...
Então, boas férias também.
E essa menina aí, nem precisa teste de DNA.
É xerox?
Às 12:50 em 4 janeiro 2009, Liu Sai Yam disse...
Olá,
Atrasado, mas não menos sincero:
Bom Natal, Ano Novo, resto do ano e tudo o mais.
Ocupada ou viajando?
Não se esqueça de nós.
Abração.
Às 13:10 em 10 dezembro 2008, Liu Sai Yam disse...
Parabéns pra você!
É hoje, ou pisei no tomate?
De qualquer forma, tá valendo pra todos os dias do ano!
Às 14:54 em 8 dezembro 2008, Liu Sai Yam disse...
Minha neta Rebeca, que faço questão que tenha ao menos esperança de viver num baita país.
Por isso, vou persistir e fazer o possível pra juntar forças com você, porque pela foto e pelo que você escreve, temos os mesmos sonhos.
Abração, Jackie.
Às 10:23 em 8 dezembro 2008, Liu Sai Yam disse...
Bom dia, Jackie
Aqui em SPaulo li na Folha, se bem que parece que esse temas são todas pautadas por alguma assessoria obscura e sintonizada.
Reparou como os jornalões todos coincidem, principalmente nos fins de semana? E não é apenas em política, como em economia, cidades e cultural.
O assunto tortura ainda não repercutiu devidamente, mas vai repercutir. Envolve legislação e documentação. Existe, ao que parece, concordância no mundo todo sobre a necessidade de discutir ações efetivas e ampliar o conhecimento sobre a matéria. Ainda mais que se aproxima a celebração da Declaração dos Direitos Humanos, da ONU, que, se não é decisivo em medidas práticas, ao menos mobiliza discussões e denúncias.
Às 10:15 em 7 dezembro 2008, Liu Sai Yam disse...
Estava lendo de manha a entrevista do Rondon Pacheco, que fez a redação final do AI-5, junto com Gama e Silva. O homem agora posa de último remanescente dos relutantes golpistas que prestaram imenso serviço à democracia, atenuando, como puderam, a truculência dos radicais de direita. A direita são os outros. Não quase ninguém mais que possa desmentir, certo?
Agora, dizer que lhe devemos gratidão por ter evitado uma situação pior, ou rever a figura sinistra de Médici, que supostamente lutou para abolir o AI-5, é tripudiar um pouco sobre a memória dos que resistiram e morreram sem aderir à boquinha golpista. Por que será que o democrata Rondon Pacheco não pediu demissão, ou não votou contra, mesmo que voto vencido, como fez Pedro Aleixo, alíás voto solitário?
E o jornal não o apertou, como apertaria de todas as formas se fosse alguém da esquerda.
Abração.
 
 
 

Publicidade

© 2017   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço