Lafaiette Luiz
  • Masculino
  • Brasil
Compartilhar no Facebook Compartilhar

Amigos de Lafaiette Luiz

  • Erika de Lima Liberatti
  • DARCI BORGES

Grupos de Lafaiette Luiz

Presentes recebidos

Presente

Lafaiette Luiz ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de Lafaiette Luiz

Informações do Perfil

Profissão
Consultoria jurídica

Blog de Lafaiette Luiz

Versos para Aracaju

Seguem alguns versos meus pretensamente filosóficos sobre a capital do belo Sergipe Del Rey.

De minha janela, diviso o Atlântico.

A linha tênue do horizonte aponta para o passado

e para o…

Continuar

Postado em 23 maio 2010 às 16:00

Justiça com prazos razoáveis

Segue texto publicado no Última Instância, sobre a reforma do Código de Processo Civil, que anda a passos largos, para desespero de certos advogados que preferem o processo secular e uma chuva de possibilidades recursais.



Uma boa medida seria incluir, na seção relativa à conduta do advogado, antes ou mesmo depois de findo o processo, a possibilidade de o juiz instar o Ministério Público e a OAB quanto aos abusivos honorários cobrados sobre o valor da condenação. É o caso, por… Continuar

Postado em 11 maio 2010 às 20:30

Dramatizando e indagando

"não dramatizes

nao invoques

nao indagues"



Oh Drummond, como é possível?



"prometi-me possui-la

muito embora ela me redimisse

ou me cegasse"



oh Gullar, ainda assim?



no desespero, o verso débil prenuncia o fim da tarde

o sol se põe e é como se toda uma vida se aquietasse



o barulho das madrugadas

a zoada risos tempestuosos

as cartas sobre a mesa

o dominó

a puta de amplas pernas e ancas fartas



o…

Continuar

Postado em 28 fevereiro 2010 às 13:00

Olvide números

olvide números

leia nuvens plantas

bichos

pios de aves

e vôos de borboletas



sinta canaviais

pardais

gorjeios de joões-de-barro no ninho



pressinta a chuva

invente gravetos molhados

olor de grama e capim



seja o silencio

da relva e da pétala

flor do cerrado



o galho a balançar

o bambuzal

as estrepolias dos gaviões-de-penacho



vislumbrar

por que o concreto da cidade nova

se há ao lado um…

Continuar

Postado em 20 fevereiro 2010 às 16:03 — 2 Comentários

Os que escreveram

Kafka judeu em Praga. Borges cego na periferia erma de Buenos Aires.

Quasímodo: Hermes contra o metálico fascismo.



Gogol tecendo luzes n'almas densas.



Dickens a descrever o triste olhar de Oliver Twist.



Hansen grita a fome tal como Münch ecoara a dor - o grito.

Além: Grimm e Andersen

que Lobato conheceu por vírgulas



Cá: Rosa resvalando garças em várzeas sob pontes

Ou vôos de só graça dessas aves.



Clarice assustada com o… Continuar

Postado em 20 fevereiro 2010 às 16:00

Caixa de Recados

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

  • Sem comentários por enquanto!
 
 
 

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço