Mário Mendonça
  • Masculino
  • São Paulo, SP
  • Brasil
Compartilhar no Facebook Compartilhar

Amigos de Mário Mendonça

  • Renata Pagliarussi
  • romério rômulo
  • Soledad Larraz
  • Van Luchiari
  • Rose de Castro
  • Romanelli
  • Inara Regina Pires Polli
  • Lacyr
  • wedencley alves
  • Helô
  • Dulce Leão
  • Luis Nassif

Grupos de Mário Mendonça

Presentes recebidos

Presente

Mário Mendonça ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de Mário Mendonça

Caixa de Recados (45 comentários)

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Às 6:39 em 20 março 2017, Augustin Aziankou disse...

Dia bom,

Eu peguei o interesse em você depois de passar por seu perfil curto e exigir que seja necessário escrevê-lo imediatamente. Eu tenho algo muito importante para revelar a você, mas eu achei difícil de me expressar aqui, uma vez que é um site público. Você poderia por favor voltar para mim em (augustinaziankou@vp.pl) para os detalhes completos.

Tenha um bom dia.
Sr. Augustin.

Às 0:00 em 20 setembro 2010, Mário Mendonça disse...
DE Eu para Eu mesmo.

O nassif precisa excluir um
Às 23:10 em 15 agosto 2010, Galvão disse...
E ai Mario tudo certo...
estamos aqui também.

abraços
Às 4:57 em 8 maio 2010, Lacyr disse...
Caro amigo, bateu a saudade de ti e de todos os amigos. Por isso passo por aqui hoje.
Grande abraço fraterno, muita saúde, amor e paz!
Às 1:34 em 23 dezembro 2009, Lacyr disse...
Sumiu Mário!
Ah se eu pudesse dar um abraço fraterno em cada um de vocês.
Transmitir um pouco dessa loucura de final de ano, de despojo.
Mas já que não dá... Vai um abraço virtual em todos os amigos.
Valeu a presença de todos vocês em 2009. Bis pra 2010.
Às 0:52 em 7 dezembro 2009, Lacyr disse...
Tem uma mensagem de fim de ano no email do blog para os amigos...
Ficou grande pra por nas vossas páginas.Tem uma mensagem de fim de ano no email do blog para os amigos...
Ficou grande pra por nas vossas páginas.
Às 3:27 em 28 agosto 2009, Lacyr disse...
Ordinários? Por que não?
Sentes tua estrutura ruir?
Estas cego ante tanta desigualdade?
Teus caminhos são diversos daqueles de muitos?
Suas dores são tão ínfimas que nem as sentes mais?
Qual é o seu maior temor meu prezado semelhante?
Será aquele de te tornares ordinário neste universo humano?
Pois eu fico torcendo para que sejamos ordinários.
Sejamos cronicamente ordinários. Todos nós!
Ordinariamente éticos, transparentes, íntegros...
Ordinariamente verdadeiros, corretos, empáticos...
Ordinariamente simples, humildes, verdadeiros...
Ordinariamente brilhantes, mas nunca ofuscantes.
Ordinariamente sentimentais, semelhantes,
Para tudo aquilo que é ordinário não cabem os excessos.
O excesso da força, do poder, da indiferença e da avareza.
O excesso de adulação, da moganguice e do servilismo.
Não cabe excesso nem de bondade, que carrega culpa anterior.
Mira-te nos exemplos de seres humanos extremamente ordinários!
Seres ordinariamente humanos!
Abraços
Às 12:01 em 9 agosto 2009, luzete disse...
Às 2:29 em 22 julho 2009, Raí Araujo disse...
E aí cara,vais estar conosco,6ª feira na Livraria Cultura,e esticar até o Bar do Alemão,aonde as bebidas têm preços aceitáveis,ao contrário da Confraria,aonde só os ricos entram ?
Às 19:10 em 6 julho 2009, Raí Araujo disse...
Obrigado irmão ! Tenho tido tão pouco tempo para curtir os seus presentes,que somente agora,psso agradecer-lhe.
E o Michael,hein cara ! que merda hein ! porque será que nossos ícones morrem tão cêdo ?
Ainda bem que os seus fãs ficam,para "contar a história"para as futuras gerações.
Abraços,irmão
 
 
 

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço