Blog de Maria Luiza Silveira Teles -- outubro 2009 Arquivo (4)

SER MESTRE

(Uma humilde homenagem aos professores no seu dia)





Quem aspira a ser mestre não deve pensar que vai apenas andar na frente, mostrando o caminho. Deve lembrar-se que, muitas vezes, tem que estar junto, sentindo o medo e as aflições de seus discípulos.



Quem guia tem a enorme responsabilidade de ter não só um comportamento exemplar, mas um comportamento e um discurso que demonstrem a sua fé em Deus, na vida e nos homens. Tem que ter alegria e paixão. Deslumbrar-se com… Continuar

Adicionado por Maria Luiza Silveira Teles em 16 outubro 2009 às 3:00 — Sem comentários

A BÊNÇÃO DA VIDA

A BENÇÃO DA VIDA



Diz Gabriel Garcia Márquez que “é necessário abrir os olhos e perceber que as coisas boas estão dentro de nós, onde os sentimentos não precisam de motivos nem os desejos de razão. O importante é aproveitar o momento e apreender sua duração, pois a vida está nos olhos de quem sabe ver." Ela nos brinda com uma série de bênçãos, gratuitamente.

Não é preciso ter muito para gozar da Vida. Basta estar atento. Aliás, um poeta inglês escreveu uma frase que jamais… Continuar

Adicionado por Maria Luiza Silveira Teles em 13 outubro 2009 às 1:42 — Sem comentários

PRANTO NA MADRUGADA

No vai e vem das horas

Me ponho a meditar

Tempo que me foge

E amor que me arde

Saudade como o vento

Batendo na janela

Na janela de minh’alma

Rostos, gestos e nomes

Tudo morto e levado pelo tempo

Mas, bem viva esta dor

Que me queima o coração

Dor de quem vive

de quem espera

de quem ama

E nas asas do tempo e do vento

Minh’alma viaja

Por ermos lugares

Lá no passado.

Por tão grande amor

E por tão grande… Continuar

Adicionado por Maria Luiza Silveira Teles em 11 outubro 2009 às 21:23 — Sem comentários

PENA DO AMOR PERDIDO

PENA DO AMOR PERDIDO



Não é esta a noite

E nem este o rosto....

São outros olhos

Que me olham

Com ternura e medo...

É uma outra boca

Que inventa

Palavras novas...

São outras mãos

Que buscam

A linguagem de meu corpo.

Não é esse tédio...

Mas a alegria do encontro

Não é essa a noite !

É aquela em que esgotei

Toda a vida.

Não é esse o amor

Que deixei perder

E não são essas

As lágrimas de… Continuar

Adicionado por Maria Luiza Silveira Teles em 8 outubro 2009 às 20:52 — Sem comentários

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço