Blog de Romério rômulo -- agosto 2012 Arquivo (1)

maradona e joão cabral

joão cabral quebrou a porta

cortou um pé de jurema

maradona driblou reto

e descreveu o poema

cabral respondeu: de certo

maradona é um teorema

e o teorema mais perto

teceram pelas manhãs

com o gado na invernada

usaram só um dobrado

dos seus benditos punhais

cabral com a rima seca

mais seca pelos sobrados

maradonas infernais

maradona foi refeito

na linha de pernambuco

topou com o rio ganges

onde comprou…

Continuar

Adicionado por romério rômulo em 1 agosto 2012 às 6:32 — Sem comentários

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço