Blog de Romério rômulo -- agosto 2013 Arquivo (1)

o dedo de caravaggio, 1

o dedo de caravaggio, 1

eu vou morrer dos licores
avermelhados, chumaços
entalhados em pedaços
dos mares dos teus amores

no podre destes espaços
molhado pelo de cujo
encontrei o santo sujo
das tardes e dos mormaços
por onde extravio as dores

vou montar estardalhaços
com meus estritos pavores
no corte dos teus embaços.

romério rômulo

Adicionado por romério rômulo em 4 agosto 2013 às 8:08 — Sem comentários

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço