Blog de Nydia Bonetti (15)

antes das chuvas

antes das chuvas
céus e terra ganham tons irreais
certo descompasso no ar
como se o tempo parasse
ou regressasse
ao tempo/lugar de todas as infâncias
nas janelas
palhas bentas e velas
e um desejo ancestral de pedir
a benção

Adicionado por Nydia Bonetti em 2 fevereiro 2013 às 18:55 — Sem comentários

a quem souber cuidar

há um jardim qualquer
em qualquer
canto
onde uma flor qualquer
brotou
de qualquer
cor
de qualquer forma, flor
e eu a oferto
a quem souber cuidar

Adicionado por Nydia Bonetti em 25 janeiro 2012 às 0:30 — Sem comentários

os tigres da memória

brancos
os tigres me observam
não sabem
se me lambem ou me devoram
os tigres da memória

Adicionado por Nydia Bonetti em 25 janeiro 2012 às 0:30 — Sem comentários

a solidão é fera

a solidão é fera
já não domesticável

resta contê-la

eu, com meus versos
a cerco

Adicionado por Nydia Bonetti em 25 janeiro 2012 às 0:30 — Sem comentários

celeiro vazio:- nenhum grão definitivamente os pássaros não virão nem os ratos

celeiro vazio:- nenhum grão
definitivamente
os pássaros
não virão

nem os ratos Continuar

Adicionado por Nydia Bonetti em 23 outubro 2011 às 19:05 — Sem comentários

brancos os tigres me observam não sabemse me lambem ou me devoramos tigres da memória

brancos

os tigres me observam
não sabem
se me lambem ou me devoram
os tigres da memória

Continuar

Adicionado por Nydia Bonetti em 23 outubro 2011 às 18:53 — Sem comentários

ANIMAIS HUMANOS

Bombas

Explodem

Em meio à nossa sala

Estilhaços

Nos atingem



Águas

Devastam cidades

E molham

Nossos pés

Descalços



Mães

Choram seus filhos

Mortos

Lágrimas

Espirram em nós



O abutre espera

Pela próxima vítima

Da fome

Já nem se assusta

Com os flashes



Nós

Em meio às nossas

Minúsculas

Tragédias particulares

Nem percebemos

A infâmia



Mudamos de… Continuar

Adicionado por Nydia Bonetti em 12 janeiro 2009 às 0:41 — Sem comentários

A PAZ NÃO É CHEGADA. É O CAMINHO - Gandhi

Adicionado por Nydia Bonetti em 30 dezembro 2008 às 23:01 — Sem comentários

ESPERANÇA

Hope - Ralf Greiner



Da solidão das horas

A engolir a esperança

Do amargo da alma

A devorar doçuras

Da dor na têmpora

Que lateja e pulsa

Do vermelho do olho

Que lacrimeja e arde

Da náusea nojenta

A revirar entranhas

Da vertigem insana

A minar o… Continuar

Adicionado por Nydia Bonetti em 29 dezembro 2008 às 20:34 — Sem comentários

VERSOS DE NATAL

VERSOS DE NATAL



Espelho, amigo verdadeiro,

Tu refletes as minhas rugas,

Os meus cabelos brancos,

Os meus olhos míopes e cansados.

Espelho, amigo verdadeiro,

Mestre do realismo exato e minucioso,

Obrigado, obrigado!



Mas se fosses mágico,

Penetrarias até ao fundo… Continuar

Adicionado por Nydia Bonetti em 21 dezembro 2008 às 20:16 — Sem comentários

DIGA NÃO!!!

Adicionado por Nydia Bonetti em 21 novembro 2008 às 1:30 — 3 Comentários

TRANCAS

Pela porta
das injustiças
entram as dores.

Por esta mesma porta
entra a fome, a raiva
a violência, o vício.

Junto com eles
a morte.

Inútil trancá-la.

Invasiva
ela atravessa frestas,
se espalha e se aloja
do lado de dentro
e do lado de fora.

Já não há trancas
que possam contê-la.

Ainda assim
portas trancadas.

O medo escancarado.

Adicionado por Nydia Bonetti em 17 novembro 2008 às 13:43 — Sem comentários

RÉSTIA

Réstia



Somos a soma

do que restou

dos nossos medos.



Somos a réstia de luz

que escapou

pelos olhos do abutre.



Somos a parte

que nos coube

na divisão

do latifúndio das dores.



Somos o resto da carcaça

que o abutre não quis.



Somos os nossos medos

somos as nossas dores

somos os nossos restos.



Desprezadas carcaças.



Somos o olho e o bico

do abutre.

Somos o… Continuar

Adicionado por Nydia Bonetti em 31 outubro 2008 às 1:00 — Sem comentários

O Efeito Placebo - Wim Mertens

Continuar

Adicionado por Nydia Bonetti em 30 outubro 2008 às 16:20 — Sem comentários

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço