Deu no Estadão, dia 10 de julho:

Larry Rohter, ex-correspondente do NYT, entregou para a Objetiva, os últimos capítulos do livro em que conta os bastidores de sua experiência no Brasil. Entre outras, conta que comemorou com amigos o fracasso da tentativa do governo Lula de expulsá-lo do País, cantando Apesar de Você, de Chico Buarque.
Vai contar os nomes de tais amigos?

Eu gostaria saber a opinião do Tribu de Nassif quanto a nosso amigo Larry, que se empolgava tanto com a bela historia de Bruna Surfistinha, e esperava que nós, nova iorquinos, tambem sentiamos o mesmo encanto.

Fui convidado para realizar uma matéria sobre o assunto.

Eu acho impmressionante que um jornalista, ao fim de dez anos de carreira num pais estrangeiro estratégico, importante, complicado, e interessante, mais muito pouco conhecido nos EUA (samba! futebol! asa delta!), se dedicaria a um livro de auto-justificação, escrito em português e voltado aos sujeitos da sua cobertura (os brasileiros).

Isso, em vez de escrever um livro em inglês que poderia ajudar os leitores dele (do Times, a assinatura do cual vai até $300 por ano) a entenderem o Brasil um pouco melhor.

Me parece um ato de narcissismo inexplicável. Qual a problema de Larry?

Exibições: 39

Comentário de elizabeth em 7 janeiro 2009 às 23:01
O problema desse tipo é sua existência, eu acho.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço