Este video já é posterior a 17 de março de 2008, data em que houve a inflexão do mercado e a economia mundial passou a singrar águas nunca dantes navegadas.

O autor faz, logo no início uma advertência a respeito deste debate, Inflação X Deflação, venho participando em discussões a respeito da ocorrência ou não de deflação há mais de 4 anos e asseguro que um ponto de vista 100% claro é praticamente impossível. Apesar disto, junto com outros temos chegado há algumas conclusões e a doutrina vêm sendo rapidamente aperfeiçoada.

Um dos problemas mais difíceis de ser contornados é o índice que meça os preços com exatidão, nem preciso diser que os oficiais são todos, manipulados, expurgados, sacaneados, etc... O Finster têm um dos USA o FDI (Google) que ele não revela a fórmula (pior que a Coca-Cola) mas que têm alguma consistência, através deste índice se pega em cheio o movimento de 15 de setembro de 2008.

Perceba que o video é de abril de 2008, depois da mudança de paradigma, mas àquela altura o movimento era lento e paulatino, em 15 de setembro houve o tranco que o comentarista do video nem sequer imaginava que fosse possível.

No video não se fala em CONTRATO IMPOSSÍVEL, que é um dos problemas da moeda fiduciária fracional, nem o comentarista intui a fraude por trás dos contratos de derivativos, mesmo assim, vale a pena assistir.

' />



Video do 15 de setembro de 2008

Exibições: 158

Comentário de Alexandre César Weber em 1 novembro 2008 às 2:20
Prezado Cristovam, pelo que entendi os dois funcionários são vendedores, bem aí vai uma história que você deve lembrar.

Quando o Collor congelou os preços, as mercadorias sumiram das prateleiras e você só conseguia comprar algo se aceitasse pagar ágio. Ai aconteceu um fato interessante, nas revendas de carro que trabalham com vendedores comissionados, os donos passaram a despedir todos os vendedores, a lógica era a seguinte, por que manter um vendedor se os carros já estavam vendidos, manda embora e aumenta o lucro da empresa.

Como você percebe, a situação macro econômica é que determina o futuro do emprego e o lucro do comerciante, no geral, o caso especial e isto mesmo especial, mas na média a sobrevivência das empresas está contingenciada pela condição financeira do mercado onde ela opera.

Este video e o problema que eu comento acima é sobre o ambiente financeiro geral do mercado cujo horizonte é prá lá de sombrio, na verdade a sobrevivência das empresas pequenas e grandes vai estar a merce das próximas reuniões que estabeleçam nova arquitetura para as finanças globais, a incógnita é se iremos para um mundo fascista com um ditador "benevolente" ou se um acordo mais favorável e transparente, onde as nações que só pagam e não se beneficiam, como o Brasil com sua tristemente célebre pornográfica taxa de juros, terão voz para reivindicar melhores condições para o seu povo.

Quem viver , verá.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço