A DESNACIONALIZAÇÃO NO BRASIL.

O processo de desnacionalização, no Brasil, além da indústria, é amplo. Leia esse tópico, se o assunto lhe preocupa, e observe que tudo isso nos conduz às condições de um país que se assemelha a uma colônia típica do século XXI. É por isso que dou ênfase e considero o investimento na educação básica como nossa maior prioridade!

Pense nisso!

Como construir e fortalecer a nação brasileira sem uma educação de alto nível para todo povo? Sem isso, não teremos pesquisas, não desenvolveremos tecnologia, não teremos um país industrializado. Continuaremos sendo fornecedores de matérias primas para mundo desenvolvido e destinados a ser uma imensa colônia do século XXI!

Um país sem dar atenção à educação e à sua cultura está destinado a ser governado por testas de ferro serviçais de potências externas que desejam, apenas, usar suas riquezas naturais e ter um mercado para suas multinacionais.

Sem essa educação proposta, nosso povo não terá condições de observar o que está acontecendo!

Pequenas e médias indústrias foram compradas por multinacionais.

A culpa é dos entreguistas, testas de ferro a serviço do estrangeiro. Gente que, se possível, vende a Amazônia.

Indivíduos que não adquiriram um sentimento de pertencimento ao Brasil, muitos psicopatas, que se sentem como peixes fora do seu meio! Só pensam no próprio bolso! O psicopata é sutil, inteligente, ardiloso e despojado de apreço ao povo!

A existência do elemento servil é a maior das abominações (Rui Barbosa).

Aqueles que estão entregando a Petrobrás às multinacionais e destruindo nossa engenharia, nossas indústrias, não demonstram o mínimo sentimento nacional! São semelhantes aos que, na época do Presidente Getúlio Vargas, apoiaram, ardentemente, a ideia de que no Brasil não existia Petróleo.

Estão preparando a venda da Embraer à Boeing, empresa que, ultimamente, tem aviões caindo mundo afora!

Neste momento, estão querendo entregar a Base de Lançamento de Foguetes de Alcântara a um país estrangeiro.
Se entregamos uma área que pode ser usada para fins militares a um país imensamente mais forte, qual a segurança em recebê-la de volta?

Somos, assim, cada vez mais, um fornecedor de minério de ferro e importamos aços especiais. Exportamos alumínio e importamos as peças do alumínio devidamente manufaturadas.

Exportamos grãos de soja para, lá fora, serem beneficiados.

Exportamos o mais importante mineral dos dias atuais, o NIÓBIO, por um preço de banana para que seja revendido, no estrangeiro, a preço de ouro. Temos mais de 95% das reservas de nióbio do mundo!

Somos governados por quem? Não pensam no povo brasileiro. Com tanta riqueza e estão pensando em aposentar o nosso povo sofrido após a morte! A Reforma da Previdência, como proposta, só atinge a maioria da nossa população sofrida!

Na indústria automotiva, o que produzimos? A Suécia vinte vezes menor, em área e população, tem a Scania AB e continua tendo parte da Volvo.

Muitos taxistas estão certos que o carro que ele usa na praça é nacional. Ele acredita que é um produto genuinamente nacional, brasileiro! Como lidam com muitas pessoas, era de supor serem mais bem informados! A Metal leve, fabricante de pistões e outros produtos automobilísticos, até 1996 foi uma indústria brasileira! Vende-se tudo!

Qual marca de TV, de celular, de computador produzimos? Nenhuma! Muitos, por desconhecer, vai ficar espantado e incrédulo! Mas, quase todo produto industrial que se consome é importado! Dentro de uma farmácia, pesquise a origem da marca. Numa loja de informática e celulares, nem precisa desse esforço.

Os tênis que você está usando; Nike, Mizuno, Adidas; os que você mais encontra, na frente das lojas, são estrangeiros. Geralmente, são fabricados na Ásia.

Se você perguntar às pessoas qual dessas duas empresas; Brastemp e Cônsul, produtoras de (geladeiras, fogões etc), é cem por cento nacional, então, uns vão dizer que não sabem, outros vão escolher a Brastemp e muitos dirão que as duas.

Muitos franzirão as rugas da testa, surpresos, quando ouvir a afirmação de que as duas, há cerca de vinte anos foram compradas por uma gigante multinacional americana. A mesma que antes tentou comprar a similar chinesa, mas a China não permitiu e tornou-se o maior vendedor desses produtos do mundo! Se for usuário de uma geladeira, de uma máquina de lavar roupas, de um fogão com seus 20 anos, então, acertou. Nessa época, essas indústrias, ainda, eram brasileiras e os produtos, apesar de antigos, duravam!

Quantos acreditam que aquele estabilizador; ou aquele nobreak, que se encontra ao lado ou debaixo da mesa, na sua casa ou no escritório, para proteger o computador; é um produto nacional, brasileiro? A Microsol do Ceará foi comprada pela APS, em 2009 e a SMS foi adquirida pela Legrand, em 2011. Quem sabe disso?

“Desde que comprou a Amil, em 2012, a UnitedHealth já adquiriu 41 hospitais em todo o país, entre eles o Samaritano e o 9 de Julho, em São Paulo. A maior empresa do setor no mundo, que comprou a maior do Brasil, pretende continuar comprando. Nos planos estão até mesmo hospitais filantrópicos”. RBA publicado 09/08/2017 19h18min.

O Grupo Casino da França tornou-se sócio do Grupo Pão de Açúcar, em 1999 e, em 2012, assumiu o Comando. Foram abocanhadas várias empresas varejistas nacionais nesse negócio bilionário: Extra, Casas Bahia, Assaí, Pontofrio, Sendas, Superbom etc.

A Walmart dos EUA abocanhou o Bompreço, no Nordeste. A primeira medida foi diminuir o número de caixas, tanto em Salvador como em Recife. Os preços dos produtos sofreram aumentos, imediatamente. Há notícias que a Walmart Brasil está sendo vendida para outra americana, a Advent (fundo de investimentos).

Cencosud S.A, multinacional chilena comprou a Perini, na Bahía, em 2011. Os preços dos produtos aumentaram imediatamente! Essa empresa comprou, também: Os Supermercados GBarbosa em Sergipe, Bahia, Alagoas e outros Estados do Nordete; Bretas (Minas Gerais); Mercantil Rodrigues (Minas Gerais e Sergipe); Prezunic Supermercados (Rio de Janeiro). Dono: Horst Paulmann Kemna, nascido na Alemanha, com nacionalidade chilena.

Luis Nassif (em 2011): O varejo na mão de estrangeiros! O Brasil não terá mais participação nacional relevante no setor de supermercados.

Não sou contra processos de aquisições de empresas, mundo afora. Só não me sinto confortável em ver o Brasil somente vendendo, desnacionalizando seus excelentes produtos. Por que o Brasil não consegue colocar seus produtos lá fora? Eles se protegem como nação. A Suécia estatizou sua indústria de aço, quando se sentiu ameaçada pela concorrência da Coreia!

Todas essas empresas brasileiras produziam produtos de excelente qualidade, para a época, e por isso foram compradas! Ninguém compra algo sem futuro!

A Vale do Rio Doce, pouco a pouco, está sendo entregue!

A Petrobrás desenvolveu alta tecnologia para pesquisa e, sem acidentes, descobriu o pré-sal. Quando começa a produzir, os vendilhões resolvem esfacelar a empresa, entregando de mãos beijadas, descaradamente, às multinacionais! Para complementar o estrago, destruíram nossa nascente indústria naval!

A Embraer, com resultados auspiciosos, está sendo entregue à decadente Boeing americana!

A Embratel que já desenvolvia a tecnologia de satélites foi vendida!

A Telebrás que poderia ficar no mercado, adaptando-se à concorrência, foi entregue de bandeja! Seu ativo fixo, estimado em mais de R$ 40 bilhões, simplesmente, foi na bandeja!

Agora, não podemos permitir, estão querendo entregar a Base de Lançamentos de foguetes que poderia estar colocando no espaço os satélites que estavam sendo desenvolvidos pela Embratel!

Não é por acaso que sonegam uma educação de qualidade para o nosso povo que devido à falta de conhecimentos básicos tornou-se presa fácil para a manipulação dos psicopatas que não possuem qualquer empatia pela nação.

O Brasil não terá futuro, sendo, apenas, fornecedor de matérias primas para o mundo desenvolvido!

Muitos foram perseguidos ou presos por defender a criação da Petrobrás.
Foi um dos motivos que levaram à morte de Getúlio Vargas em 1954, no famoso mês de agosto.

Estão facilitando a ocupação de nosso país pelas multinacionais.

Querem transformar totalmente o Brasil num país dependente, sem um mínimo de soberania!

A pátria dos psicopatas é o seu bolso. Aliam-se aos estrangeiros, conforme a conveniência!

Exibições: 83

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço