A GUERRA DA OPOSIÇÃO E DA MÍDIA CONTRA O PAC II

O Partido da Imprensa Golpista (PIG) está agindo em cadeia nacional por causa do lançamento do PAC II. Todos os canais de TV, rádios e jornais estão criticando o Presidente Lula e a Ministra Dilma, dizendo que o PAC II é eleitoreiro. Além disso, não param de citar a tal de ONG Contas Abertas, que tem como conselheiro fiscal um membro do PPS, Homero de Souza Júnior, denunciando pelos quatros cantos que o PAC I ainda nem foi terminado e apresenta sérios problemas. Aliás, se procurarmos melhor, vamos ver que nessa ONG há membros do PSDB e do DEM também, pois ela só encontra problemas no Governo Lula.
Pior, é ver o senador tucano Álvaro Dias dizer que o Presidente Lula está lançando um programa para que seu sucessor continue, o que, para ele, seria um absurdo. Logicamente, ele teve mais destaque na mídia do que todos os integrantes do Governo Lula juntos. Segundo a mídia e a oposição, um governo não pode deixar um plano de investimentos para o País, apenas exorbitantes dívidas interna e externa, corte nos gastos sociais e um enorme desemprego, como fez Fernando Henrique Cardoso. E tem mais, acho que o senador do PSDB pensa que todos nós somos trouxas, ao dizer na tribuna do Senado que um presidente não pode fazer projetos de cunho ideológico para seu sucessor. Numa dessas, Getúlio Vargas deve ter se remexido no túmulo, já que a CLT, que foi criada por ele, está valendo até hoje, sem contar a Petrobrás e a Eletrobrás. Pena que as outras heranças varguistas foram todas privatizadas, como a Vale e a CSN. Pelo jeito, na visão do PSDB, do DEM e do PPS, construir obras não pode, mas destruí-las, sim.
O que a imprensa golpista e a oposição demotucana estão escondendo é que a ampliação das obras públicas através do PAC ajudou o Brasil a mostrar sua capacidade de superação e se tornar uma das nações mais respeitadas do planeta após a maior crise mundial desde 1929. Somando-se a elas, o Presidente Lula incrementou a oferta de crédito para beneficiar o mercado interno e diminuiu impostos, como o IPI e o imposto de renda, além de reajustar o salário mínimo acima da inflação. Não poderia deixar de citar também o programa habitacional amplo e inédito que busca construir um milhão de moradias, destacando que 400 mil casas serão para beneficiar as pessoas muito pobres. Como disse o economista da Unicamp, Márcio Pochmann, “pela primeira vez, na análise feita de 1980 até os dias atuais, os pobres não pagaram os custos da crise como no passado".
Deve ser por todos esses motivos que PSDB, DEM e PPS, com a ajuda inestimável da Globo, da Folha, do Estadão e da Veja, além de outros meios de comunicação, estão todos os dias tentando criar um fato novo para derrubar a popularidade de Lula e a candidatura da ministra Dilma. Vale tudo agora: forjar pesquisas para beneficiar o inescrupuloso e arrogante governador José Serra, criar CPIs, através das famigeradas denúncias sem provas, além de contar com uma ajuda do Tribunal Superior Eleitoral, a fim de conter o avanço da candidata governista. O mais interessante é que um dia antes da ministra Dilma ter criticado o governo FHC, a Folha publicava as críticas de José Serra contra a política econômica do Presidente Lula. Mas, pelo jeito, Serra pode tudo. Seus amigos sempre vão dizer que ele estava se defendendo de alguma acusação do PT e que Serra não está fazendo campanha como a Dilma, mesmo sabendo que o governador tucano é candidato a presidente da república desde 2002 e suas propagandas no horário "nobre" aparecem nas telas de nossa TV como se fossem uma nuvem de gafanhotos, inclusive fora do estado de São Paulo.
Mais uma vez, assim como em 2002 e 2006, chegou a hora de lutarmos para derrotar o conservadorismo, o atraso e o preconceito que estão fazendo de tudo para voltar ao poder novamente. E o perigo de acontecer isso é bem maior do que se imagina. Espero que o Presidente Lula, a Ministra Dilma e seus aliados estejam preparados para enfrentá-lo.

Exibições: 56

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço