Ao lado de Dora Jobim, neta de Antonio Carlos Jobim, o diretor Nelson Pereira dos Santos se dispôs a encarar o desafio de desvendar em filme a trajetória musical do grande compositor brasileiro, autor de uma obra eterna, de alcance internacional. O resultado desse trabalho é o documentário "A Música Segundo Tom Jobim", que estreia no dia 20 de janeiro.

 

 

Grande admirador de Tom, Nelson dirigiu, em 1985, um documentário sobre ele para a televisão brasileira, com duração de quatro horas. Quando decidiu fazer "A Música Segundo Tom Jobim", percebeu que o acervo de fotos e filmes da família do compositor e os arquivos obtidos pela pesquisa de Antonio Venâncio eram tão ricos que o próprio material podia, por si só, contar a história do músico.

 

 

 

"Vi que, em cada imagem, havia uma outra história. E mais outra. Era uma história dentro da outra, contando tudo por meio da música",explica Nelson. A espinha dorsal do filme foi construída com base na música e nas imagens em movimento e fotográficas.

 

 

Com grande experiência no universo dos DVDs musicais, Dora Jobim dividiu a direção com Nelson Pereira dos Santos. É profunda conhecedora do material de arquivo de seu avô, fez um levantamento extenso dos arquivos e seu ouvido musical foi importante instrumento na hora da montagem. Sua experiência, aliada ao rico acervo fotográfico e de imagens da viúva de Tom, Ana Jobim, contribuiu de forma decisiva para a elaboração do documentário.

 

 

Para o filme, os diretores escolheram o caminho sensorial da imagem e do som para exibir o trabalho do músico considerado, ao lado de Heitor Villa-Lobos, um dos maiores expoentes de todos os tempos da música brasileira. Não há uma palavra sequer no filme. Nem é preciso. Uma sucessão de imagens de grandes intérpretes brasileiros e internacionais em performances inesquecíveis, e do próprio Tom em diferentes momentos, alinhava a trajetória musical do "maestro soberano".

 

 

Gal Costa, Elizeth Cardoso, Alaíde Costa, Gerry Mulligan, Ella Fitzgerald, Judy Garland, Vinicius de Moraes, Elis Regina, Nara Leão, Maysa e Fernanda Takai estão entre o muitos interpretes das canções de Jobim no documentário.

 

 

Está tudo lá: a força e a beleza da sua música, as diferentes fases do artista, o alcance e a poesia das suas canções, sua personalidade musical, a importância da sua obra. Tudo conduzido de forma vigorosa e poética.

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Gazeta Online

Exibições: 120

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço