Henrique Foréis Domingues, cantor, compositor, pesquisador e radialista - famoso pelo apelido de Almirante, ganho quando serviu à Marinha, nos anos de 1920 - começou sua promissora carreira no meio musical carioca como cantor e pandeirista do grupo Flor do Tempo, que depois se transformaria no Grupo de Tangarás (Almirante, Noel Rosa, Alvinho, Henrique Brito e Braguinha).








Em 1938 iniciou a carreira de radialista com o slogan "a maior patente do rádio", conquistando cada vez mais espaços, ora como excelente intérprete, ora como radialista, escrevendo, dirigindo e produzindo programas por mais de 40 anos.

Com o vasto material produzido para seus programas sobre música popular, montou um dos maiores acervos de música da história, ficando responsável pela permanência da lembrança de inúmeros artistas brasileiros.



Parceiro e grande amigo de Noel Rosa, após sua morte, realizou uma campanha de recuperação e popularização da imagem pública do poeta da Vila e, bem mais tarde, em 1963, publicou o livro "No Tempo de Noel Rosa".

Almirante, nascido no Rio de Janeiro (1908-1980), que tanto contribuiu para a história da música popular brasileira, completa, nesse ano de 2008, seu centenário de nascimento.

Fontes: A construção do samba, de Jorge Caldeira. Almanaque de samba , de André Diniz.


Almirante e Carmem Miranda interpretam "Boneca de piche".



Exibições: 189

Comentário de Helô em 1 dezembro 2008 às 22:09
Laura
Muito bem lembrado o centenário. Tenho duas músicas preferidas que fizeram sucesso na voz de Almirante: Touradas em Madri e Yes Nós Temos Bananas. Ambas de Braguinha e Alberto Ribeiro.
Beijos.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço