ATUALIZAÇÃO

vide atualização no final do post

 

Recebi, via e-mail, da loja SESC virtual a notícia do lançamento do CD “Chiquinha em Revista”.

O nome consagrado de Chiquinha Gonzaga em nossa história musical é, inegavelmente, merecedor de elogios superlativos. A publicação do seu nome em qualquer matéria e/ou mídia por si só já me motiva, e a motivação é maior se o assunto for ligado ao Teatro de Revista – temática que venho desenvolvendo com Cafu, Helô Lima e Henrique Marques Porto.

Lançado pelo SESC São Paulo, por meio do Selo SESC, “Chiquinha em Revista” tem produção musical de Gilberto Assis e direção musical do mesmo e de Ana Fridman.

Imagino que não deve ter sido fácil a essa dupla escolher, no universo de mais de trezentas composições de Chiquinha Gonzaga, um repertório diversificado e pouco conhecido.

Chiquinha em Revista é um álbum que ressalta composições instrumentais de vários gêneros e músicas compostas para o Teatro de Revista. Tudo isso conservando o casamento perfeito entre a veia erudita e popular.

Das treze músicas desse CD, interpretadas por Ná Ozzetti, Vange Milliet, Suzana Sales, Carlos Careqa e Rita Maria, selecionei seis. Boa audição.







 

Atualização (03/10/2011)

 

Chiquinha em Revista - Um tributo a Chiquinha Gonzaga

Assista o Show gravado no Sesc Vila Mariana. Direção musical Ana Friedman e Gil Assis.

Chiquinha em Revista - Um tributo a Chiquinha Gonzaga BLOCO 1 from Juliana Borges on Vimeo.

 

 

 

Chiquinha em Revista - Um tributo a Chiquinha Gonzaga - BLOCO 02 from Juliana Borges on Vimeo.

 

 

Chiquinha em Revista - Um tributo a Chiquinha Gonzaga - BLOCO 03 from Juliana Borges on Vimeo.

 

 

Chiquinha em Revista - Um tributo a Chiquinha Gonzaga - BLOCO 04 from Juliana Borges on Vimeo.

Exibições: 200

Comentário de Cafu em 24 fevereiro 2010 às 19:37
Amei. Tudo uma maravilha: os músicos, cantores, o visual, as canções.
Coloca a capa do CD e a faixa Tava Assim de Português lá nos comentários do post do Marques Porto, Laurinha. Assim os fãs do Teatro de Revista ficam sabendo dessa linda novidade.:)
Quando O clube do Choro de Brasília escolheu a Chiquinha para ser a homenageada do ano, em 2000, nomeou o projeto "“Chiquinha Gonzaga: Ninguém Resiste a Um Choro de Mulher”. Irresistível mesmo.
Beijos e obrigada pela dica.
Comentário de Gilberto Cruvinel em 27 fevereiro 2010 às 21:03
Tenho que repetir a Cafu, Laura
Tudo muito lindo, claro, juntando a genialidade da Chiquinha com o talento do produtor, da diretora musical e dos músicos, só podia resultar nessa beleza de CD.
Sabe que houve um show aqui em Sampa no Sesc V Mariana para o lançamento do CD?
Até coloquei a chamada deste show na Agenda Musical do blog do Nassif

Um beijo Laura
Gilberto
Comentário de Laura Macedo em 1 março 2010 às 21:40
Gilberto,
Eu não atentei para sua chamada do show na Agenda Musical do blog.
Deve ter sido uma MA-RA-VI-LHA.
O bom dos shows do Sesc é que, tempos depois, eles passam no canal Sesc (Sky 3), e eu aproveito e gravo. O último que gravei foi com a Banda Mantiqueira. Formidável!
Beijos.
Comentário de Henrique Marques Porto em 19 setembro 2011 às 1:55
Laurinha,

Essa merece postagem lá na Página da Revista, que anda meio paradona. Incrível como a Chiquinha Gonzaga vai atravessando os tempos e se atualizando sempre. Danada ela.

A versão de "Tava Assim de Português" está perfeita! Só tem uma pequena correção a fazer na letra: ele canta "...e ninguém tinha receio/Bem o seio-o/ Nem de um tal Roque Gonçalves..."

"Roque Gonçalves" não existiu. A letra original diz "Lopes Gonçalves", referência irônica a um senador encreiqueiro da república velha.

O mais interessante do CD é que ele não foi na onda das "releituras", cujos resultados são sempre meio duvidosos. Nem por isso deixaram de produzir ótimos e muito criativos arranjos.

beijão

Henrique

Photo Cube
Comentário de Laura Macedo em 19 setembro 2011 às 2:24

Henrique,

Você tem toda razão, a Chiquinha é mesmo uma danadinha.

Se não estou enganada, na época desta postagem (fev/2011), mencionei com vocês sobre o CD e a possível publicação na nossa página (depois vou verificar nos e-mails antigos). Se o grupo concordar posso reproduzir, é só liberar o sinal verde.

Gravei o show que foi realizado e exibido (bem depois) no canal 3 (Sky).

Que chique a ilustração em 3D!! Foi você mesmo quem fez?

Beijos

 

 

 

 

Comentário de Henrique Marques Porto em 20 setembro 2011 às 15:43

Laurinha,

Por mim esse post já estava lá na página da revista desde o primeiro momento. Afinal Chiquinha é a mãe do teatro de revista!

Pois é...depois de velho dei para essas frescuras do tipo "cubo 3d". É que estava configurando o blog sobre ópera (http://operasempre.blogspot.com/) e descubri esse cubo para enfeitar o visual. Coloco as fotos que ilustram as postagens que aparecem na página. Você brinca de montar cubos com fotos em http://www.photocube3d.com/.

beijão

Henrique

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço