SEMÁFORO

Cá estou eu parado no trânsito, aguardando o farol abrir. Apressado, atarefado. Afinal de contas, pensando nas contas e nas pessoas que nos desapontam... Pela janela do carro observo um senhor sentado à beira da calçada, numa mesa vermelha tomando uma “gelada”. Camisa -vermelho -sangue, chapéu e cigarro de palha, olhar distante, pernas cruzadas e sem a mínima pressa numa manhã de outono, como se seu tempo posse eterno. O que me fez refletir: Em certos momentos da vida, realmente se faz necessário desacelerarmos e, pouco importa se vai ser uma freada brusca ou repentina, o importante é não colidirmos. Procure saber em que tempo estamos andando; seja nas palavras proferidas, gestos, olhares ou até mesmo o quanto pode durar um sorriso. Desacelerar é esvaziar-se: libertar a mente, o corpo e a alma. Assim podemos nos encher da alegria, das boas coisas, amigos, boas ideias e novos ideais.  Assim como o semáforo, nossa vida é feita de fases, com a vantagem de podermos colori-la à nossa maneira. Mudemos da fase dos olhos vermelhos para o sinal livre. Existe uma vida à nossa frente ajuste seu tempo, seu motor interno, faça da sua mente seu GPS sem jamais se esquecer da bússola pra dar um norte ao seu coração... Deixe me ir, porque já estão buzinando.... 

 

Wilson Inacio

Exibições: 59

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço