Portal Luis Nassif

Crianças ganham "quintal público" para brincar

Vejam que iniciativa interessante:

As crianças da comunidade da Quixabeira, em São Gabriel (BA), pequena cidade a 480 km de Salvador, ganham, neste sábado, um quintal público para brincadeiras e contato com a natureza.

O que antes era um espaço ocioso da prefeitura de São Gabriel vira agora uma grande área para meninos e meninas brincarem de corda e pião, para a brincadeira das cinco pedrinhas, brinquedos cantados, parlendas e cantilenas, histórias, cantigas e tantas outras invenções da infância, realizadas ao ar livre.

Espirais com pedras demarcam o espaço para que as próprias crianças plantem árvores que possam gerar sombra, flores e frutos e, assim, embelezar o lugar onde elas vão brincar.

- Quando a comunidade oferece um espaço aberto para as crianças brincarem e se envolve, se empenha na construção desse espaço com as crianças, com certeza se constrói algo mais carinhoso em torno daquilo, em torno da infância - conta Gandhy Piorsky, educador social.


A expectativa é que o Quintal das Crianças seja adotado pelas prefeituras e vire política pública

A criação do quintal é uma iniciativa inédita da Rede Ser-tão Brasil, uma rede de organizações da sociedade civil, cujo denominador comum é a valorização da criatividade, das culturas tradicionais locais e de formas solidárias de sobrevivência.

A proposta prevê a ocupação de espaços públicos ociosos com ações e equipamentos voltados para o público infantil. O ritual de criação do Quintal acontece durante o VI Encontro Ser-tão Brasil nos dias 21 e 22 de novembro.

A metodologia do Encontro Ser-tão Brasil prevê a realização de oficinas diversas ligadas à cultura da infância e ao meio ambiente, para preparar a comunidade anfitriã como cuidadora do Quintal.


O Encontro Ser-Tão Brasil acontece desde 2003 e transforma as pequenas cidades da Bahia

O contato com a natureza é, talvez, o que marca a diferença dessa proposta em relação a outros equipamentos urbanos voltados para a criançada, como praças e parquinhos.

Todo o desenho do Quintal é baseado em técnicas de permacultura: uma reunião dos conhecimentos de sociedades tradicionais com técnicas inovadoras, com o objetivo de criar uma “cultura permanente”, sustentável, baseada na cooperação entre os homens e a natureza.

Beth Vieira, gestora da ONG CRIA e membro da coordenação geral do Encontro Ser-Tão Brasil, reforça essa perspectiva. “A natureza é a casa da criança”, afirma.

- Vamos ocupar um espaço público que estava ocioso e dar sentido a esse espaço. Criar um lugar de brincadeiras, de plantar… Um lugar para que as crianças desenvolvam seus brinquedos de forma espontânea e em ligação com a Natureza - opina Beth Vieira.

A educadora sócio-ambiental e pesquisadora associada do Instituto de Permacultura da Bahia, Dalvaci Santiago, explica a importância do Quintal como experiência que valoriza a identidade cultural e o cuidado com o ambiente.

- Em toda comunidade as brincadeiras tradicionais tem em si toda a memória, a filosofia das culturas nativas. A gente perdeu a referência do quintal como o lugar da brincadeira, de contato com terra, bicho, planta e água - argumenta Santiago.


A abertura oficial do Ser-Tão aconteceu nesta sexta-feira (20/11)

A proposta da Rede Ser-tão Brasil é que essa experiência seja incorporada à cidade como uma política pública. “A prefeitura já se apropriou disso e está assumindo como uma proposta da cidade, com apoio da Fundação Culturarte que é o ponto de cultura local”, diz Beth Vieira.

- Temos aqui em São Gabriel artistas e educadores de 16 municípios baianos e de 12 bairros de Salvador que poderão levar para as suas localidades essa idéia e o jeito de implementá-la. Logo na entrada do Quintal, um portal cujas hastes laterais são duas amendoeiras anuncia e convida: Aqui começa o mundo novo! - destaca a coordenadora.

A Rede Ser-Tão Brasil realiza os encontros homônimos desde 2003. Foram realizados cinco Encontros até 2007, quando o evento passou a ser bianual.

Cada edição traz um lema, construído coletivamente para expressar o “jeito” de cada cidade sertaneja, suas músicas, as riquezas do local e a sabedoria dos mestres populares.

Este ano, o lema do sexto Encontro Ser-Tão Brasil é “Tecendo e Trançando Quintais”, que convoca a um olhar mais cuidadoso para as artes sertanejas.

(por Iuri Rubim, do Blog das Ruas, via Terra Magazine)

Exibições: 87

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2018   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço