Cristo Redentor de Aniversário - 78 Anos

Curta-metragem, realizado em 2005, sobre a história da construção de uma das maravilhas do mundo e um dos grandes ícones da cidade do Rio de Janeiro, o monumento ao Cristo Redentor que completa 78 anos, hoje, dia 12 de outubro de 2009.


Vale a pena embarcar nessa viagem...




Através de relatos de pessoas que viveram na época de sua construção, e, do diário do brasileiro que idealizou e executou a obra, o engenheiro - arquiteto Heitor da Silva Costa, nos faz voltar ao período da concepção deste tão belo monumento que é, hoje em dia, parte integrante do dia-a-dia do carioca.

O filme conta também com depoimentos feitos na França e na Itália com a filha do estatuário Paul Landowski, Françoise e com a filha de Gugliemo Marconi, Elletra, que foi o responsável pela iluminação da estátua quando de sua inauguração em outubro de 1931.




"Samba do Avião", de Tom Jobim. Intérpretes: Danilo Caymmi, Paulo Jobim e Roberto Menescal.

 

 

Exibições: 292

Comentário de Cafu em 12 outubro 2009 às 15:50
Laurinha,
Valeu muito a pena embarcar nessa extraordinária viagem. Excelente documentário. Bel Noronha está de parabéns por essas imagens, resgates históricos, memórias e depoimentos. Que bonito ver a sociedade brasileira envolvida e participando ativamente de um projeto comum. Sonhando e realizando junto com alguns visionários, esses imprescindíveis.
Me fez lembrar uma conversa que tive anos atrás com um casal mais velho. Eles são descendentes de italianos e foram à Italia conhecer as raízes e as origens. Localizaram parentes e foram recebidos com muita amorosidade. Um deles, um jovem rapaz, foi o anfitrião em Florença. Sabia muito sobre as histórias das praças, estátuas, monumentos, prédios, obras de arte. Eles ficaram impressionados com os conhecimentos do primo distante. Tempos depois, eles receberam o rapaz no Brasil. Foram ao encontro dele no Rio de Janeiro. Uma das primeiras perguntas do visitante foi sobre o Cristo. Eles não sabiam quase nada sobre ele. Apenas que foi construído com o projeto de um francês. Ficaram encabulados.

O que eu mais gosto do Cristo Redentor são esses braços enormes e abertos a incluir, abraçar e abençoar tudo e todos. Ainda bem que não foi escolhida as imagens do calvário, do sofrimento e do suplício na cruz. Tal como é, tem tudo a ver com o jeito carioca e a alma brasileira: plenos de hospitalidade, generosidade e paz.
Gracias por esse garimpo de primeira.
Beijos.
Comentário de Laura Macedo em 12 outubro 2009 às 19:59
Cafu,
Que belo comentário!
Quando eu e Gregório sobrevoamos pela primeira vez a cidade do Rio de Janeiro, não resistimos, cantamos em coro: "...Cristo Redentor, braços abertos sobre a Guanabara...".
Super beijo.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço