O Insuportável é sabe que existe o insuportável !

 Arthur Rimbaud.

 A polícia estadunidense é tão ou mais violenta que brasileira,principalmente quando se trata da população negra,parda e pobre.Dois negros foram mortos semana passada por policiais brancos,um em Minessota e outro em Lousiânia.O movimento negro estadunidense,como sempre,agiu rapidamente ao convocar manifestações em todo o país.

 Em Dallas,onde há policiais negros e brancos e que a violência policial contra negros e hispânicos é bem menor,um franco-atirador negro,ex.combatente no Iraque,abriu fogo contra os agentes da polícia,matando 5 e ferindo outros sete,sendo que,infelizmente,feriu dois civis.

 As ilações sobre este episódio,envolvendo o franco-atirador,como sempre,perpassaram,a priori,de que seria um ato terrorista engendrado por alguma organização islâmica ou algo do gênero.Não foi !

 A reação foi um ato isolado de um jovem negro revoltado,que foi ao Iraque defender a sua pátria e verificou que os negros são utilizados como bucha de canhão para manter os interesses dos anglo-saxões brancos do seu país.

 Contudo, o movimento negro estadunidense tem uma tradição da vertente dos Panteras Negras,que procura reagir a violência do estado contra negros e pobres.Haja vista outras revoltas ocorridas nesta década contra assassinatos de negros pelas forças de segurança dos EUA.

 Este país ficou ainda mais dividido com as tiradas racistas de Donald Trump,todas as suas falas são bem explícitas,bem racistas e xenófobas.

 Trump e sua comitiva,um mês atrás,foi atacado por manifestantes do movimento negro e de hispânicos indignados com sua proposta de se construir um grande muro na divisa com o México para evitar a entrada de novos migrantes.

 Enquanto isso no Brasil,sem negar as conquistas do movimento negro,como a lei de cotas,crime racial,o homicídio contra os negros e pobres pela polícia continua célere,sem cessar.E poucos policiais são presos por essas ações hediondas.

 Quando um jovem negro é morto em uma favela do Rio ou São Paulo a revolta parte da própria comunidade e ,até que me provem,o movimento negro não aparece,se resume apenas a indignação verbal através das redes sociais.Isso não basta ! Tem que reagir,convocar manifestações em todo o país quando um negro pobre ou simplesmente um pardo é morto pelas forças de segurança,seja no Rio,seja em São Paulo,seja em Recife.

 O movimento negro brasileiro é capenga,legalista quando o estado age de maneira ilegal.As lideranças do movimento negro fazem parte de uma pequena elite negra,que não mora na periferia e que interage pelas vias burguesas.

Exibições: 149

Comentário de Nena Noschese em 10 julho 2016 às 14:17

realmente o insuportável é saber que ele existe.

Comentário de Marcos Carnavale em 11 julho 2016 às 12:00

Nena,desculpe,escrevo rápido,movido pelo transe ,e comi o r do saber.O insuportável é saber que existe o insuportável,retirado de um poema de Rimbaud ,do seu livro Uma Temporada no Inferno.Abraços.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço