Portal Luis Nassif

O objetivo desta postagem é o resgate do início da carreira de Tom Jobim e suas primeiras gravações, inicialmente, em 78 rpm e depois em outros formatos.

Um dos seus primeiros sucessos, como arranjador e compositor, foi o samba “Tereza da praia”, em parceria com Billy Blanco. Essa música foi elaborada para duas grandes estrelas da gravadora Continental onde Tom Jobim trabalhava: Dick Farney e Lúcio Alves.

Tereza da praia” (Antonio Carlos Jobim/Billy Blanco) # Dick Farney/Lúcio Alves [arranjo Tom Jobim]. Disco Continental (16.994-A) / Matriz (C-3401). Gravação (07/06/1954) / Lançamento (junho/1954).

Tudo começou por volta de 1950, quando Tom era recém casado, entrou para a gravadora Continental. Uma das suas funções era passar para o papel as músicas que chegavam a gravadora. Alguns anos mais tarde ele já dava conta também dos arranjos das músicas gravadas pelo selo Continental.

Vamos ouvir agora Tom Jobim e sua Orquestra acompanhando Dalva de Oliveira. Ouçam a delícia do piano de Tom Jobim.

Há um Deus” (Lupicínio Rodrigues) # Dalva de Oliveira. Disco Odeon (14.259-A) / Matriz (11737). Gravação (06/05/1957) / Lançamento (1957).

Encontro de Tom Jobim com Vinicius de Moraes resultou numa das principais Duplas da MPB.

Por volta de 1956, Vinicius de Moraes, procurava um compositor para musicar sua peça “Orfeu da Conceição”. O jornalista/crítico musical Lúcio Rangel circulava nas melhores rodas da boemia e cultura da Cidade Maravilhosa. E foi na Casa Vilarino que ocorreu um episódio, hoje, lendário.

Tom que vivia com o salário contado logo perguntou ao Lúcio: “Tem um dinheirinho nisso?”. Ao que Lúcio Rangel, reagiu: “Como é que você me fala em dinheiro, diante de um convite desses? Tom, este é o poeta Vinicius de Moraes!

Frevo de Orfeu” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Wanda Sá/Célia Vaz.

Depois da peça veio o filme “Orfeu do Carnaval”, em 1959, ganhando o Oscar de melhor filme estrangeiro, dirigido pelo francês Marcel Camus.

Agora vamos ouvir duas composições da dupla Tom Jobim e Vinicius de Moraes para o filme “Orfeu do Carnaval”.

O nosso amor” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Diana Montêz. Disco Polydor (324-A) Matriz (POL-3657). Gravação (24/07/1959)

A felicidade” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Carlos Augusto. Álbum ‘Falando ao coração’. Disco Polydor, 1959.

Outro que gravou “A felicidade” foi Agostinho dos Santos acompanhado por Tom Jobim ao piano. Uma maravilha! Essa gravação não chegou a ser lançada por ter sido considerada muito moderna para a época. Confiram no vídeo abaixo.

A felicidade” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Agostinho dos Santos [voz] / Tom Jobim [piano]. Gravação RGE (23/07/1959).

Pelos anos de 2000 a Gravadora ‘Revivendolançou uma coleção de três CDs com gravações muito pouco conhecidas das composições de Tom Jobim, ou seja, as primeiras gravações do Tom. Foi batizada como “Coleção - Tom Jobim Raros Compassos”.

O que surpreendeu foi uma dupla caipira cantando Tom Jobim. E o enigma era: quem são as componentes da dupla caipira feminina, identificada apenas como “Mara e Cota”, interpretando -  “Eu não existo sem você” e “Eu sei que vou te amar”, gravadas em outubro de 1959 na Odeon? Chega de suspense: Mara e Cota eram pseudônimos que escondia as identidades secretas de Sylvinha Telles e Stelinha Egg.

 

Durante décadas ninguém conseguiu desvendar mistério. Quem finalmente desvendou  foi o pesquisador e escritor Ruy Castro. Saiba mais, AQUI. 

Eu não existo sem você” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Mara & Cota [Sylvinha Telles/Stelinha Egg]. Disco Odeon (14.556-A) / Matriz (13898). Gravação (30/10/1959) / Lançamento (novembro/1959).

Eu sei que vou te amar” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Mara & Cota [Sylvinha Telles/Stelinha Egg]. Disco Odeon (14.556-B) / Matriz (13899). Gravação (30/10/1959) / Lançamento (novembro/1959).

O cantor Albertinho Fortuna, também, gravou - “Eu sei que vou te amar

Eu sei que vou te amar” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Albertinho Fortuna. Disco Continental (17.720-A) / Matriz (C-4194). Lançamento (setembro/1959).

Continuando com mais uma das preciosidades da Coleção “Tom Jobim – Raros Compassos”.

Por causa de você” (Tom Jobim/Dolores Duran) # Vera Lúcia. Disco Continental (17.574-A) / Matriz (C-4095). Lançamento (julho/agosto/1958).

Se todos fossem iguais a você” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Vicente Celestino. Disco RCA Victor (80.2050-A) / Matriz (13K2PB0581). Gravação (30/01/1959) / Lançamento (abril/1959).

Outra grande estrela da turma do gramofone canta Tom Jobim: Isaura Garcia acompanhada de Walter Wanderley e seu Conjunto.

Meditação” (Tom Jobim/Newton Mendonça) # Isaura Garcia. Disco Odeon (14.575-A) / Matriz (50336). Gravação (19/10/1959) / Lançamento (dezembro/1959).

Canção da eterna despedida” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # Orlando Silva. Disco RCA Victor (80.2433-A) / Matriz (N2CAB-1580). Gravação (05/02/1962).

Estrada do sol” (Tom Jobim/Dolores Duran) # Maria Helena Raposo. Disco Molambo (15.211-A) / Matriz (R-939), 1958. [Perceberam o sopro de lindas flautas?]

Dindi” (Tom Jobim/Aloísio de Oliveira) # Sylvinha Telles [voz] / Rosinha de Valença [violão]. Disco Odeon (14.551-B) / Matriz (13866). Gravação (15/10/1959) / Lançamento (novembro/1959).

Vamos encerrar com - “Chega de Saudade” - de Tom Jobim/Vinicius de Moraes, gravada por João Gilberto, um marco na história da nossa Música Popular Brasileira.

Chega de saudade” (Tom Jobim/Vinicius de Moraes) # João Gilberto. Disco Odeon (14.360-A) / Matriz (12725). Gravação (10/07/1958) / Lançamento (agosto/1958).

 

 

************

Fontes:

- Áudios SoundCloud / Montagem: Laura Macedo.

- Base de Dados do Arquivo Nirez (AQUI).

- Fotomontagem: Laura Macedo.

- Portal Cultura Brasil / Fundação Padre Anchieta (AQUI).

- Site YouTube/Canais: “professor raionald”, “luciano hortencio”, jazznik2”, “FabyoAOKi”, “Ana Constança Messeder”, “Pedro Salomao”, “Irapuran Marques da Silva”, “George Kaplan”, “Paulo Baritono” , “fungenti”, “alfeuRIO”.

************

Exibições: 52

Comentário de Laura Macedo em 13 setembro 2017 às 0:31

Este Post foi destaque no Jornal GGN / Luis Nassif.

Confiram os comentários - AQUI.

Abraços a todos.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2017   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço