Do livro a Política do Rebelde (Michel Onfray)

O risco do lobo, certamente, não é o momento do cão. Para este, a opulência ética, o fim de toda elegância moral, a obesidade conceitual e a reflexão adiposa, a obra lançada como pasto para os simples como para os "abutres": uma ideia por livro, e ainda, um livro por mandato daquele que se serve, uma multidão de prédicas públicas, uma ocupação dos lugares midiáticos no modelo de vasos sanitários. No final das contas, um talento desvitalizado, um pensamento em frangalho, em farrapo, e a alma vendida aos parasitas políticos nutridos de sangue sugado e de inteligência subjugada. 

Exibições: 156

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço