DO PORTAL DA PROPAGANDA SHOÁ...

Sob o mote “Conhecer a história é a melhor maneira de ela não acontecer de novo", a agência Young & Rubicam é responsável pela divulgação da mostra interativa “ Shoá, reflexões por um mundi mais tolerante”, aberta ao público no Sesc Pompéia, em São Paulo.
Trazendo como tema central o "Holocausto na segunda guerra mundial", a exposição internacional abordará os diversos holocaustos que ocorreram e ainda ocorrem na história da humanidade.
“A educação é o melhor caminho para o combate à intolerância e discriminação.
Shoá, o holocausto judaico, maior mancha negra na história da humanidade,
deve ser contada e recontada para evitar que novos holocaustos de qualquer tipo aconteçam.
Esta exposição tem o intuito de "educar através da reflexão”, enfatiza Miriam Vasserman, organizadora e coordenadora da mostra.
O plano de divulgação contempla filme para TV e cinema, anúncios impressos (jornais e revistas), spot de rádio e materiais de divulgação como carta zes e folhetos.
O filme "Relato", dirigido por Dinara Toffoli, diretora de cena da produtora 02 Filmes, mostra várias pessoas, nos dias de hoje, comentando passagens da tragédia como se elas tivessem vivido os horrores do holocausto. O desfecho fica por conta do letreiro “A história sobreviveu. Veja uma vez. Não veja nunca mais”.
No spot “Conselhos”, produzido pela Tentáculo, o locutor relata alguns conselhos que poderiam ter dado um novo desfecho à algumas das passagens marcantes da história, na vida real ou fictícia.
Caso do Comandante do Titanic – “Cuidado com os icebergs”; de Romeu, da Julieta – “Não tome o veneno”; ou para o 5º Beatle – “Continue na banda”.
Ao final, o alerta: “Quando você já conhece a história, fica mais fácil evitar que ela se repita”.
Para evidenciar o caráter reflexivo da mostra projetada e concebida por três jovens uruguaios, Patricia Catz, Samuel Dresel e Uri Lichtenstein, a campanha impressa vai direto ao ponto.
O primeiro anúncio compara o total de seguidores no twitter de duas pessoas que ficaram mundialmente conhecidas por razões opostas.
Surpreendentemente, Gandhi tem um número menor em relação ao ditador alemão Hitler, responsável por uma das maiores tragédias da humanidade. Na assinatura, o alerta: “todo cuidado é pouco”.
A segunda peça, intitulada “Uma exposição às avessas: quanto mais gente vier, menor a chance de ela acontecer de novo”, é ilustrada por imagens sobre o holocausto judaico.
“A campanha mostra alguns dos horrores do holocausto para ilustrar que só a partir do conhecimento dos fatos é que se pode impedir que outras tragédias ocorram”, acrescenta Versolato, vice-presidente de criação da Y&R, em nota à imprensa.
Além da exposição, que ocupará os 600 m² do galpão, a mostra também terá uma programação paralela, com simpósios, palestras e exibição de filmes sobre o tema.
A mostra "Shoá - Reflexões por um mundo mais tolerante" fica no Sesc Pompeia de 28 de maio a 4 de julho, com entrada gratuita. Mais informações no www.mostrashoa.com.br . (WS)

Exibições: 38

Comentário de Marise Lopes em 31 maio 2010 às 17:53
“Quando você já conhece a história, fica mais fácil evitar que ela se repita”... outro dia ouvi o seguinte: "repetir, repetir, repetir até que se torne diferente" ... me parece que este é o caminho de desenvolvimento que temos trilhado... vou ao sesc verificar.. tão pertinho de casa...

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço