O nosso modo de vida existencial depende de acreditarmos nas emanações que nos venham da nossa Mente (erudita e/ou, empírica).
Para conseguirmos um laurel benfazejo a nos iluminar os caminhos da nossa existência terrena, desde que, saibamos assimilar ou, desprezar, às exalações originárias advindas e, vindas a nós!

Do mais douto ao analfabeto ou, vice-versa, a nossa Mente é um computador onde tem os dados computados, armazenados e, sujeitos à análise para a sua concretização utilitária do ser Pensante, todavia, para o uso da resultante do pensamento, advindo do armazenamento mental, é necessária a capacidade de seleção dos prós e, dos contras vantajosos para a sua consecução ideal a nós favorável!

A maioria dos nossos dissabores é oriunda do mau uso da nossa mentalidade eventual, nos vinda de momentos de pouca ou, nenhuma atenção, às resultantes que poderiam nos prejudicar na sua aceitação como predominante.
O Ser Humano Perfeito ainda não apareceu em nosso mundo!
Dessa forma, temos que nos precaver, sempre, ao tomarmos decisões no afogadilho do momento em que nos são solicitadas!

A seguir, apresento, no meu modesto e empírico entender, algumas circunstâncias que nos empanam a Mente, nos levando a cometer erros, às vezes, crassos, a saber:

—Estado Etilista pelo consumo abundante de bebidas alcoólicas!

—Sonolência, mormente entre o sono e a vigília e, vice-versa.

—Ingenuidade na crença exagerada das informações mentais e/ou, externas que recebermos.

—Cobiça imoderada pela aspiração de conseguirmos vantagens como benesses.

—Alienação mental ocasionada por paixão extrema em conseguir algo sem a análise de suas vantagens ou... Desvantagens!

—Nos aconselharmos com outrem sem o senso do que nos convém e, sem o consenso ideal das nossas idéias e, aspirações emergentes!

—Deixar de maturar os nossos pensamentos e, sem meditar às suas conseqüências, aceitando-os como regras a serem admitidas.

—Crendice leviana em dogmas mal assimilados da sua veracidade e aproveitamento exemplar existencial da atualidade.

—Copiar, em reprodução exata e, imitativa, ações praticadas por outrem das emanações que lhe surgirem, quando, a bem da verdade lídima, o que, às vezes, é apropriado para Uns, nem sempre é o perfeito e ideal para Todos!

RESUIMINDO: O Poder Mental é unitário a cada Ser Pensante, cabendo, a Ele, tomar as suas decisões com estribo, apenas, nas suas convergências estáveis e, aprimoradas a servi-lo com dignidade, não fora isso, o nosso Universo só teria Bandidos ou... Honoríficos!
Portanto... Pensem e, analisem todas as exalações originárias dos seus Pensamentos!
Sebastião Antônio BARACHO.
conanbaracho@uol.com.br

Exibições: 37

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço