Encante-me! # Déa Januzzi (Excerto)

Ilustrador(a) desconhecido(a)


Encante-me outra vez com um desses sorrisos largos, mas carregados de simbolismo. Um desses sorrisos que desarmam o interlocutor, que varrem o medo, a insegurança, a tristeza. Um desses sorrisos tão abertos que espantam até as dores, as perdas. Um sorriso que ultrapassa as cicatrizes remendadas tantas vezes.


Encante-me outra vez com o entusiamo que amanhece junto, que não tem necessidade de subterfúgios nem de fluoxetinas nem de energéticos nem de antidepressivos. Encante-me com esse jeito de ver o mundo com olhos iluminados mas que também podem mudar de cor ao entardecer. Então esses olhos ganham tons do crepúsculo e enxergam bem longe, por trás das montanhas.


Encante-me com a amizade que vale mais do que todo dinheiro do mundo.Volte a me encantar com as visitas de surpresa. Não dá mais para ficar programando, esperando o dia certo para visitar um ao outro. Vá sem avisar, leve uma garrafa de vinho ou vá de mãos vazias, mas vá, antes que não dê tempo de ir a lugar nenhum.


Encante-me com as cavalgadas em noite de lua cheia, com a viagem de trem pela estrada das minhas lembranças. Encante-me com o apito do trem que serpenteia pelas montanhas azuis de Minas.


Encante-me com esssa sensação de florescer que há muito estava escondida sob o mofo e o emaranhado das teias de aranha.


Encante-me com esse amor universal que não tem ciúme de nada nem de ninguém, que não é propriedade minha nem sua. Encante-me com o vôo livre e sem amarras, com essas asas que não temem as intempéries nem os oceanos nem o insondável. Encante-me com essa magia que anda sumida do mundo, com essa vontade de acordar todo dia. Encante-me!"



Déa Januzzi (excerto)

Exibições: 104

Comentário de Oswaldo Conti-Bosso em 16 setembro 2009 às 13:02
Querida Cafu,

Encantador, encantei-me.
Bjs,
Comentário de Cafu em 16 setembro 2009 às 16:00
Lena e José Osvaldo,

Também adorei. Esse texto foi presente de aniversário de minha amiga Deisa. A autora, Déa Januzzi, é mineira. Vamos prestar atenção nela.

Beijos igualmente encantados.
Comentário de Nina Araújo em 16 setembro 2009 às 18:08
Ah, com que encanto eu li esse texto! É assim mesmo, esse movimento em busca do encanto, né não? Adorável texto de Déa e sensibilidade de Cafu!!
beijos de Nina,
Comentário de Cafu em 16 setembro 2009 às 19:45
Nina,

Encanto nunca é demais...

Nós encantamos e encantoamos
Ora encantamos, ora encantoamos
Cantoantes, cantantes.
Ora encantoadores, ora encantadores.
Do olhar do canto o encanto.
Encantatários, encantatórios.
Encantoa! Encantatoa!
Encântoro! Encântaro!
Encantacanto e encantoacanto.
Encantoarte, encantarte!

Vielimir Khlébnikov # Augusto de Campos

Beijos.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço