Pouco depois da Victor ter iniciado suas atividades em nosso país,era a Brunswick que lançava o seu primeiro suplemento brasileiro. Recrutando alguns dos melhores artistas da época, a nova fábrica apresentava nomes como o de Silvio Caldas, Gastão Formenti, Laura Suarez, Heitor dos Prazeres, Aracy Cortes, além de muitos outros.

O primeiro disco do Bando da Lua trazia a etiqueta Bunswick e o solista, que se assinava Barbosa, era o depois famoso criador de “O teu cabelo não nega”, Castro Barbosa.

Dos mais interessantes discos Brunswick é “Dentinho de Ouro”, uma esplêndida gravação de Aracy Cortes. Seus autores são compositores dos mais famosos: Henrique Vogeler, músico completo, professor do Conservatório, autor de “Linda Flor” (“Ai, Ioiô”)
[com Luiz Peixoto/Marques Porto] e Horácio Campos, autor dos versos de “A voz do Violão”, que Chico Alves imortalizou.

Infelizmente, as atividades da Brunswick no Brasil foram de efêmera duração e os discos fabricados por ela são hoje
[1954] já raridades que os colecionadores disputam avaramente.


“Dentinho de Ouro”, de Henrique Vogeler e Horácio Campos. Disco Brunswick, 1931. Interpretação: Aracy Cortes.



********************


Fonte
: Coleção Revista da Música Popular. - Rio de Janeiro: Bem-Te-Vi Produções Literárias, 2006.


Edição fac-similada da coleção completa da Revista da Música Popular, editada por Lúcio Rangel e Pérsio de Morais, de 1954 a 1956 (14 números).




********************



Exibições: 114

Comentário de Gilberto Cruvinel em 8 agosto 2010 às 13:36
OI Laura,

Que preciosidade, hein? Gravação de 1931 é apenas um ano mais recente do que a primeira da Carmen, a marcha "Prá Você Gostar de Mim" (Taí) que é de 1930. Um achado. E essa Coleção Revista da Música Popular dá água na boca, não dá? Certamente esgotada, claro!

Uma delícia a voz da Aracy Cortes.
Beijo Laura
Gilberto
Comentário de Laura Macedo em 8 agosto 2010 às 15:28
Gilberto,

A "Revista da Música Popular" editada por Lúcio Rangel, no período de 1954-1956 (14 edições) é, como sempre tenho dito, uma inesgotável fonte de pesquisa.

As edições originais estão todas esgotadas. As que possuo integram a "Coleção Revista da Música Popular - Coleção completa em fac-símile (setembro/1954 a setemnro /1956)"-, editada pela Funarte: Bem-Te-Vi Produções Literárias, em 2006.

Pesquisei minutos atrás, no site da Livraria Cultura (onde adquiri, em 2007), e a informação disponível é que a Coleção está esgotada no fornecedor. Talvez outras livrarias ainda tenham a referida Coleção, em estoque.

Um mês após minha adesão ao Portal, em agosto de 2008, fiz um álbum com todas as capas.

Beijos.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço