Há alguns dias reproduzi texto de Ivan Lessa acerca dos 'benefícios cerebrais' advindos do fato de se navegar na Internet, pautada em pesquisa feita com pessoas entre 55 e 78 anos por Gary Small, da Universidade da Califórnia.

A Internet é a tal. Benéfica, e a cada dia mais acessada, superando tevês, rádios e jornais. E, sabendo-se procurar, mais confiável.

É benéfica também por dar ensejo à crítica, ao reparo, ao desabafo, o que contribui para aliviar a indignação dos que teimam em exercitar o senso crítico. No passado, o leitor de uma publicação qualquer mandava carta reclamando ou observando algo e ficava refém da dita cuja, que, a seu arbítrio, decidia se publicava (no todo ou em parte, ou, em publicando, com a ressalva de manter o que disse) ou não. Hoje, referido leitor 'desabafa' em seu próprio blog ou manda comentário para um dos muitos que povoam a blogosfera. Ou faz ambas as coisas. E estamos conversados.

Manoel do Rosário, notável blogueiro, a propósito do combate que parte da blogosfera trava contra o PIG, o dito Partido da Imprensa Golpista, expressão criada por Paulo Henrique Amorim, afirma que "a Internet enfiou uma faca no tórax do porco, e o bicho grita, grita e grita".

Não sei se o Manoel foi enfático em demasia, o que sei é que uns bons piparotes no PIG com certeza já fazem a satisfação de muita gente.

Internet, aldeia e mundo a um tempo.

Internet, altar onde sacrificamos nosso tempo.

Gracias, Internet!

Exibições: 25

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço