Homenagem aos 75 Anos de Sylvinha Telles

Se viva hoje, 27 de agosto de 2009, Sylvia Telles completaria 75 anos.

Fico a imaginar como estaria a nossa Primeira Musa da Bossa Nova, olhos verdes, dentinhos salientes, possuidora de uma voz suave, doce, afinada, que arrasava os corações masculinos (não escaparam da flecha do cupido, Horácio, João Gilberto, Candinho, Aloysio de Oliveira, só para ficar nos mais famosos), que rompeu fronteiras cantando nos Estados Unidos, na França, Alemanha, Suíça...e ajudou a lançar quase toda a turma da Bossa Nova até que o inimaginável e trágico acidente interrompeu sua vida aos 32 anos.

Tem coisas que com o tempo só melhoram...
No caso de Sylvinha, a voz, o charme, a bondade, o sentimento altruístico, aos 75 anos, estariam lapidados tal como um diamante precioso, de brilho inigualável... a iluminar os caminhos da nossa Música .

Poderia escrever páginas e mais páginas sobre sua vida, mas prefiro homenageá-la com um pequeno Álbum de Fotos, destacando sua Discografia e convidando vocês a curtirem comigo sua bela, suave, doce e afinada voz, imortalizada nas mais belas músicas do nosso cancioneiro.



"Duas Contas", de Aníbal Augusto Sardinha - Garoto.
 

 


"Chove Lá Fora", de Tito Madi.


 




"Por Causa de Você", de Dolores Duran e Tom Jobim


 




"Foi a Noite", de Newton Mendonça e Tom Jobim.


 

"Dindi", de Tom Jobim e Aloysio de Oliveira.


 

  "Janelas Abertas", de Tom Jobim e Vinicius de Moraes


 

"Canta, Canta Mais", de Tom Jobim e Vinicius de Moraes


 



"Se É Tarde Me Perdoa", de Carlos Lyra


 

"Primavera", de Carlos Lyra e Vinicius de Moraes





"Samba de Uma Nota Só", de Tom Jobim


 




"Discussão", de Tom Jobim e Newton Mendonça


 




Tributo à Sylvinha Telles


"A Felicidade", de Tom Jobim e Vinicius de Moraes






PARA FINALIZAR...

"Amendoim torradinho" , de Henrique Bletrão






"Manhã de Carnaval", belíssima canção de Luiz Bonfá e Antônio Maria.


 

************
VISITEM:

Álbum de Fotos de Sylvinha Telles.

O site da sua filha Cláudia Telles.

A Página do nosso colega Mauricio Caleiro, que produziu recentemente um excelente post sobre Sylvia Telles.

RECOMENDO:

“Sylvinha Telles – A Primeira Musa”, de André Ciasca. Encarte da Revista Bravo, n.º 131, julho de 2008.

“Sylvia Telles”, de Ruy Castro. Coleção Folha 50 Anos de Bossa Nova,n.º 15, 2008.

************

Exibições: 408

Comentário de Gilberto Cruvinel em 27 agosto 2009 às 22:35
Nossa, Laura!

Que belíssima lição de Sylvinha Telles. Principalmente para mim que
conheço tão pouco dela. Voz maravilhosa. Seria uma velhinha adorável
e certamente totalmente ativa e linda, daquelas que envelhecem mas
conservam a chama e a beleza.
Obrigado Laura, post belíssimo.
Já encaminhei o link para três de meus melhores amigos.
Beijo do Gilberto
Comentário de Henrique Marques Porto em 27 agosto 2009 às 22:56
Laura,
Grande lembrança! E como sempre você caprichou. Sylvinha Teles é uma voz única no vasto universo das nossas cantoras populares. É uma delicia, por exemplo, ouvir "Dindi" interpretada por ela. Muitos cantaram essa música. Poucos como Sylvinha Teles.
beijão
Henrique Marques Porto
Comentário de elizabeth em 27 agosto 2009 às 23:53
Que lindo Laura, obrigada.
Comentário de Helô em 28 agosto 2009 às 0:35
Laurinha
Mais um post caprichadíssimo! E Sylvinha merece todas as homenagens. Além de talentosa, foi uma mulher à frente de seu tempo. Soube que a Cláudia estava escrevendo um livro sobre a mãe, mas não sei quando sairá. Tomara que não demore.
Beijos.
Comentário de Gregório Macedo em 28 agosto 2009 às 0:46
Num dos vídeos acima você anotou "tributo a Sylvinha Telles". Esta postagem representa o maior dos tributos a ela. Uma beleza. Parabéns!
Beijos.
Comentário de Laura Macedo em 28 agosto 2009 às 1:37
Gilberto, Henrique, Elizabeth, Helô e Gregório,
Amei os comentários de vocês. Valeu!

Agora puxando brasa para "Teatro de Revista", vocês sabiam qua a Sylvinha participou de uma Revista? Pois é. Vale a pena relatar essa história.

Segundo Ruy Castro, no início de 1955, o comediante Colé, astro do teatro de revista carioca, deparou-se com Sylvinha e sua turma (Candinho, Luizinho Eça, Carlinhos Lyra e Ivan Lessa) no bar Alcazar, que localizava-se na av Atlântica e adorou a performance de Sylvinha convidando-a a participar da sua próxima revista, "Gente Bem e Champanhota".
Sylvinha adorou a proposta ao contrário de Candinho, o noivo, e do irmão Mário que diziam em coro: "onde já se vira uma menina de família trabalhar no teatro de revista, onde só se falava de sexo e as coristas eram sustentadas por coronéis?"
Com a promesssa de sanear o texto, não é que Colé conseguiu dominar os contrários!
Enfim, Sylvinha, atuou no show mais família da história do teatro de revista, cantando o samba "Amendoim Torradinho", de Henrique Beltrão.
Sem que ninguém pedisse deu uma interpretação super maliciosa que encantou a todos, principalmente o comediante Colé.
Quem quase acaba torrado que nem amendoim foi o noivo Candinho. Mas essa já é outra história...

Ouçam "Amendoim Torradinho, aqui na voz de Vera Lúcia, Continental, 1955.

Um super beijo a todos.
Comentário de n almeida em 28 agosto 2009 às 18:28
Nadie Me Ama - Nínguém me Ama, Nat King Cole e Sylvia Telles
Comentário de Laura Macedo em 28 agosto 2009 às 20:50
n almeida,
Grata por enriquecer as homenagens a nossa eterna musa da bossa nova.
Abraços.
Comentário de n almeida em 28 agosto 2009 às 22:52
Sílvia Teles no acervo do Instituto Moreira Sales:

Gravadora: Odeon
Número do Álbum: 14221
Data de Lançamento: 07/1957
Acompanhamento: Orquestra Leo Peracchi
Acervo: José Ramos Tinhorão
Rotações: Disco 78 rpm

Por causa de você, de Tom Jobim e Dolores Duran

Chove lá fora, de Tito Madi

Gravadora: Philips
Número do Álbum: 61015
Data de Lançamento: 05/1960
Acervo: José Ramos Tinhorão
Rotações: Disco 78 rpm
Lado A
Samba de uma nota só, de Tom Jobim e Newton Mendonça

Lado B
Se é tarde, me perdoa, Carlos de Lira e Ronaldo Boscoli
Comentário de n almeida em 28 agosto 2009 às 22:56
Alguém saberia dizer qual programa devo instalar, para ouvir as canções que estão enviando?

Obrigado.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço