JUÍZA DO "MENSALÃO TUCANO" MANDA INVESTIGAR MORTE DE MODELO

Fonte:

novojornal.com

Juíza do “Mensalão Tucano” manda investigar morte de modelo

Postado por Daniela Novais 21:21:00 14/10/2012 

Esta é a modelo assassinada no decorrer
do Mensalão Tucano 

Crédito : Reprodução

Após a aparição de novos documentos referentes ao “Mensalão Mineiro”, a Juíza Neide da Silva Martins e o Promotor João de Medeiro a abrir uma nova linha de investigações para analisar nova vertente criminal e apurar as circunstâncias da morte da modelo Cristiane Aparecida Ferreira, que podem ter ligação com o esquema criminoso montado para desviar dinheiro público arrecadado e distribuído entre integrantes do alto escalão da campanha de reeleição ao governo de Minas em 1998 de Eduardo Azeredo, no escândalo de corrupção conhecido como “Mensalão Mineiro”. A decisão é do dia 03 de outubro.

Os documentos apontam que a modelo atuou transportando valores milionários a serviço do esquema, além de ter recebido sem qualquer justificativa comercial, na época, a importância de R$ 1.800.000,00 de Walfrido dos Mares Guia. Para criminalistas que se dedicam ao caso, a morte de Cristiane não teria sido um crime passional em relação ao seu namorado e sim estaria jurada de morte por esposas de diversos figurões da sociedade mineira, pois teria se tornado perigosa para o esquema, já que conhecia toda a operação e mantinha relações com os principais operadores. 

Segundo um dos criminalistas que atua no caso, o assassinato da modelo realmente foi cometido por Reinaldo Pacífico conforme sua condenação, porém, provas e evidências demonstram que houve um ou mais mandantes e que a motivação para a morte da modelo era a queima de arquivo. O processo tramita em Belo Horizonte por decisão do Ministro Joaquim Barbosa e, diante das provas, a Juíza da 9ª Vara Criminal de Belo Horizonte determinou a abertura de novo inquérito para apurar exclusivamente a participação de Cristiane no esquema. 

Operadores – Segundo os criminalistas envolvidos na investigação da morte da modelo, comprovadamente ela mantinha um caso amoroso com o presidente da Central Energética de Minas Gerais (Cemig) Dijalma Moraes, com o ex ministro Walfrido dos Mares Guia e com o ex governador Newton Cardoso, entre outros operadores do esquema. 

Com a abertura do novo inquérito deverá quebrar-se a resistência de alguns integrantes do Ministério Público que recusavam reabrir o caso da morte da modelo. O inquérito que apurou o crime ocorrido no San Francisco Flat, um apart-hotel de luxo da capital mineira, transformou-se em ação penal com a condenação do despachante Reinaldo Pacifico, que até hoje continua solto sem qualquer explicação das diversas autoridades envolvidas. 

O crime – Cristiane foi assassinada em agosto de 2000 e, há quase três anos o teólogo e detetive particular Reynaldo Pacífico, acusado de matar a modelo nas dependências do San Francisco Flat, no centro de Belo Horizonte, foi condenado a 14 anos de reclusão em regime fechado e jamais foi detido. O crime ganhou repercussão nacional por envolver o nome de vários políticos de projeção, entre eles o ex-presidente Itamar Franco, o ex-secretário da Casa Civil de Minas, Henrique Hargreves, o ex-governador Newton Cardoso, o ex-ministro do Turismo do primeiro governo do presidente Lula, Walfrido dos Mares Guia e o presidente da Companhia Energética de Minas Gerais, Djalma Moraes. 

Em agosto de 2005, a ligação da morte da modelo com o escândalo do mensalão mineiro veio à tona, depois que uma agenda com o telefone e o endereço de uma das agências de propaganda do empresário Marcos Valério Souza ser apreendida. A morte dela ganhou repercussão nacional após policiais encontrarem anotações com contatos de várias autoridades do governo de Minas Gerais à época. A modelo Cristiane Aparecida Ferreira, além de envolvimento sexual com os políticos, teria se transformado também em agenciadora de garotas de programas e “mula” para o transporte de dinheiro proveniente do “mensalão”. 

Após o júri, um de seus parentes, que não quis se identificar, revelou que no dia em que ela foi morta ele recebeu um telefonema dela, dado de São Paulo, pedindo para ir se encontrar com ela que estava de posse de uma mala com um milhão de reais. Ele viajou a São Paulo, houve um desencontro, Cristiane veio para Belo Horizonte e acabou sendo morta. Com este novo documento mostra que Cristiane Aparecida Ferreira teria recebido quase R$ 2 milhões de políticos e empresários ligados ao mensalão, levantando ainda mais a hipótese de que ela estaria associada ao caso e de que o assassinato pode estar relacionado ao esquema. O documento teria sido entregue a família de Cristiane e deve ser investigado. 

As informações são do

Novojornal.com

Exibições: 277

Comentário de Ariston Álvares Cardoso em 30 dezembro 2012 às 20:14
Este caso deve permanecer sob comando do Ministro Barbosa para que possa ser esclarecido, uma vez que em se tratando de políticos do PSDB, tudo tem para ser abafado pelo poder bandido do Aecinho.
Comentário de Ivanisa Teitelroit Martins em 30 dezembro 2012 às 21:44

Walfrido dos Mares Guia... hummmm!! Ele convivia com o Lula nas festas da Granja do Torto. Há muita coisa mal contada em tudo isso!

Comentário de Marco Antônio Nogueira em 30 dezembro 2012 às 22:45

IVANISA,

VALFRIDO é o cara mais esperto

que há em MINAS, depois de

AÉCIO. Quando foi Ministro do

Turismo de LULA, o foi pela

cota do PTB, partido da

base aliada.

Quando no Governo

Itamar Franco (ou início do de FHC)

foi denunciado por negócios com

doleiros. 

Comentário de Ivanisa Teitelroit Martins em 30 dezembro 2012 às 23:23

Marco, mais uma pista!... Esses doleiros!!!

Comentário de Marco Antônio Nogueira em 30 dezembro 2012 às 23:54

 IVANISA,

Postei um tópico hoje com 

o título de

"MAIS UM CASO DE POMPÉU",

pensando em você que é Psiquiatra.

Vá lá e comente.

Abraço,

Marco Antônio

Comentário de Ivanisa Teitelroit Martins em 31 dezembro 2012 às 1:34

Marco, amanhã de manhã. boa noite!

Comentário de Ariston Álvares Cardoso em 31 dezembro 2012 às 2:20
Comentário de Ariston Álvares Cardoso 1 segundo atrás Excluir comentário
Me lembro muito bem do envolvimento do Valfrido com a corrupção de que se fala aqui e desde esse tempo, nunca acreditei nesse político e o que necessita urgentemente no Brasil é pegar os bandidos corruptos e meter atrás das grades feitas para gente e não para siglas partidárias, cargos, patentes ou posições sociais, se constatado crimes cometidos por LULA, que seja levado à prisão, porém é bom que se diga que o atual sistema político brasileiro deixa muito a desejar e acaba emporcalhando as autoridades inclusive aquelas que se nos apresentam como sérias e por falar nisso, acho que uma dessas importantes autoridades pelo que se sabe sobre ela, merece ir para a cadeia mas está provado que os togados são deuses intocáveis e todos sabem perfeitamente de de quem estou falando, enfim, FHC, José Serra, Gilmar Mendes e mais uma centena de menas importancia, pelo que já se sabe publicamente, são corruptos e como tal deveriam estar cumprindo pena em uma penitenciária não brasileira por que as deste pais não foram feitas para governantes e sim somente para os PPP.
Comentário de Marco Antônio Nogueira em 31 dezembro 2012 às 7:49

IVANISA,

Não deixe de ler a crônica

"MAIS UM CASO DE POMPÉU".

Ela é endereçada especialmente

a psiquiatras. E você como,

irá ao deleite.

Abraço,

Marco Antônio

Comentário de Ariston Álvares Cardoso em 2 janeiro 2013 às 22:18
Eu parabenizo aos honrados membros do Ministério Público Juíza Neide da Silva Martins e o Promotor João de Medeiro por essa atitude, mormente quando se constata uma certa omissão das autoridades no que se refere ao corporativismo, omissão ou mesmo má fé que leva-nos a acreditar em interesses escusos desses membros da Justiça. O mensalão mineiro ou tucano deve ser o QG desse bárbaro crime e vai mostrar ao Brasil a verdade sobre tudo isso que se desenvolve para se chegar aos comandantes da criminalidade financeira, certamente vai deixar o Batman Joaquim Barbosa complexado por ter feito pirotecnia na caça a uma formiga pensando se tratar de um elefante

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço