Portal Luis Nassif

 Em 1997 ,a Tucanagem,comandada por FHC privatizou a Vale do Rio Doce,alegando que a estatal,na época a segunda maior mineradora do mundo, era um cabide de emprego,por um bagatela.

 Vale ressaltar que a Vale do Rio Doce foi fundada em 1942 no então governo Getúlio Vargas e ,já na época,construiu-se uma ferrovia no estado de ES,que prestou inestimáveis serviços à população local,sendo desativada logo após a privatização da mineradora.

 Pesquisando,buscando incessantemente não há nenhum registro de nenhum grave acidente acorrido enquanto a Vale era estatal.

 As tragédias ocorridas nas barragens de   Mariana e Brumadinho,ambas localizadas em MG,causaram vitimas fatais ( 18 em Mariana,oficiosamente,e ,por enquanto,114 mortos e mais de 205 desaparecidos,sem contar os danos ambientais que serão irreparáveis à fauna e a flora, tanto em Mariana quanto em Brumadinho ).

 A ganância do capitalismo ,comumente em países periféricos ,permitiram construções de barragens baratas e de alto de risco de rompimento.Sem contar que a Vale ,há muitos anos, usa a terceirização para ganhar aumentar seus lucros,principalmente na jogatina das Bolsas de Valores, e utiliza material de quinta categoria e especialistas do mesmo quilate.

 O presidente da Vale deveria estar em cana desde Mariana e mesmo com esta nova tragédia  permanecerá  livre,leve e fagueiro.

 Resumo da ópera :FHC é o principal culpado,privatizou uma estatal que dava enorme lucro e atuava de forma responsável na medida do possível diante dos paradigmas do capitalismo.

 Por que a grande mídia ,até agora,não inquiriu FHC sobre a venda da Vale do Rio Doce e suas consequências ?

 E neste novo governo,fanático em privatizar tudo,que tem em Paulo Guedes,um seguidor da Escola de Chicago,seu mentor ,seu guru irá privatizar Eletrobras,Eletronorte e...,cuidado...até a Petrobrás.

Exibições: 34

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço