Walter Santos Souza
* 07/09/1939 - Senhor do Bonfim (BA)
+ 29/05/2008 - São Paulo (SP)



O músico baiano Walter Santos, foi um dos nomes chave da bossa nova. Conterrâneo e amigo de infância de João Gilberto, em Juazeiro, na Bahia, juntos chegaram a fundar, em 1946, o conjunto vocal Enamorados do Ritmo.

 

Em 1957, mudou-se para o Rio de Janeiro, e viveu na mesma pensão que João Gilberto, Luís Carlos Paraná e outros músicos da época moravam. Deu aulas de violão, tocou em casas noturnas, época em que conheceu a poeta Tereza Souza, com quem se casou e que foi sua parceira em várias canções.

No ano seguinte (1958) participou do histórico disco “Canção do Amor Demais”, lançado por Elizeth Cardoso, com canções de Tom e Vinicius, considerado o marco da bossa nova.

 

 

 

 

Já em 1959, mudou-se para São Paulo capital, motivado pelo convite do amigo Luís Carlos Paraná para tocar na noite paulistana, cidade de onde nunca mais saiu, enquanto a bossa nova explodia em todo o país.

 

Ao lado de sua mulher, Tereza Souza, compôs grandes clássicos como “Azul Contente”, “Samba Só″ e “Amanhã” (esta última com mais de 30 gravações).

 

Suas músicas foram gravadas por cantores como Elis Regina, Alaíde Costa, Dick Farney e Agostinho dos Santos, e por instrumentistas como Hermeto Paschoal, Dom Salvador, Walter Wanderley e Milton Banana.

 

Toda sua DISCOGRAFIA em LP foi gravada na década de 1960.

 

 
Barracão / É bom chorar por você. RCA Victor, 1960.


Primavera / Ternurinha. RCA Victor, 1960.


Bossa Nova. Áudio Fidelity, 1962.

 

 

 Disco considerado uma preciosidade por colecionadores e amantes do gênero, viria a ser relançado por um selo espanhol e distribuído nos Estados Unidos, Japão e Europa.

 

 

Caminho. RCA Victor, 1964.

 

 

 

 

Participou com voz, violão e composições em inúmeros discos de outros artistas a exemplo do disco Azul Contente, cujo título é uma composição sua e de Teresa Souza.

 

 

 

Participou, também, na gravação de diversas coleções lançadas entre 1961 e 1968, como os registros de festivais de música da TV Record e de shows do Teatro Paramount comandados por Elis Regina e Jair Rodrigues, em São Paulo, e também do projeto O Fino da Bossa, também com Elis e Jair.

 

Ainda na década 1960, trabalhou em uma campanha para a Volkswagen, dando início a uma bem sucedida carreira na área publicitária, coroada, sempre junto com Teresa, com a criação do Nossoestúdio local apropriado para seu trabalho de produtor de jingles. Mais na frente, também em sociedade com a esposa fundou a gravadora Som da Gente, que tem em seu catálogo 50 LPs dedicados exclusivamente à música instrumental.



Localizei o programa “A Voz Popular”, apresentado por Luís Antônio Giron e vinculado à Rádio Cultura onde Zuza Homem de Mello fala das primeiras gravações de Walter Santos e sua participação no histórico álbum Chega de Saudade.

 

Depoimentos de Luciana Souza, a filha cantora de Walter, onde ela comenta o canto e as escolhas profissionais de seu pai, enquanto suas irmãs Carla Poppovic e Rifka Souza falam da carreira de Walter na publicidade. E ainda, o produtor Solano Ribeiro, comenta a participação de Walter Santos no Festival de Música Brasileira nos anos 1960. Acessem, AQUI.

 

 

Algumas composições de Walter Santos.

 

 

O Bolo” (Walter Santos/Teresa Souza) # Walter Santos (voz e violão), Papudinho (trompete), Hermeto Pascoal (flauta), Walter Wanderley (órgão e piano), Geraldo (baixo) e Arrudinha (bateria). Álbum “Caminho”, 1965.

 

 



Docemente” (Walter Santos/Tereza Souza) # Walter Santos. Álbum ‘Caminho’, 1965.

 

Amanhã” (Walter Santos / Teresa Souza) # Walter Santos (voz e violão), Papudinho (trompete), Hermeto Pascoal (flauta), Walter Wanderley (órgão e piano), Geraldo (baixo) e Arrudinha (bateria). Álbum “Caminho”, 1965.

 

 

 

 

 

 Walter Santos faleceu vítima de câncer, em maio de 2008. Hoje estaria completando 72 anos.


Que a sua importante obra permaneça “Docemente” na memória da Música Popular Brasileira e nos nossos corações.


************
Fontes:
- Dicionário Cravo Albin da Música Popular.
- Site Musicaria Brasil.
- Portal Cultura Brasil

***********

Exibições: 946

Comentário de Oswaldo Conti-Bosso em 8 setembro 2011 às 0:48

Prezada e querida Laura Macedo,

Suas doces pesquisas musicais,

Brindá-nos, sutil e "docemente",

Preciosidades de samba enredo,

Com beleza e pureza de cristais,

Maravilha da vida "azul contente".

Pois, agradeço-lhe, alegremente.

Sds,

 

Comentário de Laura Macedo em 8 setembro 2011 às 1:18

Amigo Conti-Bosso,

Que maravilha!!

Docemente, AMEI :))

Beijos.

Comentário de moacir oliveira em 8 setembro 2011 às 1:24

Tenho varios LPs  originais da gravadora Som da Gente,sendo em maioria de Hermeto Pascoal.

Esta gravadora foi de extrema importância para nossa música instumental.

Comentário de Laura Macedo em 8 setembro 2011 às 2:23

Pois é Moacir, o legado deixado por Walter Santos é imenso.

Que bom você possuir vários LPs produzidos pela gravadora Som da Gente.

Na montagem deste post procurei muito a gravação da música "Samba pro Pedrinho", de Walter Santos, onde se registrou a primeira atuação do Hermeto Pascoal como flautista. Mas não sei informar em qual LP foi gravada.

Beijos.

Comentário de Gregório Macedo em 14 setembro 2011 às 2:19

Walter Santos esbanja talento, e a MPB foi enriquecida por ele. Há um fato lamentável: os apreciadores da MPB no exterior (Japão, EUA, França...) relançam o acervo dos nossos monstros sagrados, mas no Brasil ficamos, em muitos casos, a ver navios. No caso do Walter, pelo menos temos a consagrada Luciana Souza revivendo, com singular classe, a arte do pai.

Mais uma bela homenagem, minha cara pesquisadora.

Beijos.

Comentário de Laura Macedo em 14 setembro 2011 às 2:58

É verdade, Gregório, que tanto ele contribuiu para a MPB como ficamos a ver "navios gigantescos" :))

Já estava saudosa dos seus bem elaborados comentários.

Beijos "saudosos" :))

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço