Adiléa da Silva Rocha


07/06/1930 - Rio de Janeiro (RJ)
24/10/1959 - Rio de Janeiro (RJ)



Compositora / Cantora, Dolores Duran aos cinco, já participava das festas populares de reisado e do grupo de pastorinhas (saía vestida de anjo), realizadas no bairro. Morou nos subúrbios cariocas de Irajá e de Pilares. Teve problemas de saúde na infância (reumatismo infeccioso), um dos motivos do problema cardíaco que lhe acometeu na idade adulta.

Aos dez anos, incentivada pelo amigo da família chamado Domingos, resolveu participar do programa de calouros de Ary Barroso (Calouros em Desfile). A pequena Adiléa escolheu a música "Vereda tropical", que interpretou fantasiada de mexicana, com letra em português e espanhol. Tirou nota máxima, o elogio de Ary e 500 mil-réis. A partir daí, passou a aparecer em vários programas da época, sempre aos domingos. Aos doze anos perdeu o pai, fato que precipitou sua profissionalização, já que necessitava ajudar a família nas despesas.

Casou-se em 8 de julho de 1955 com o radioator e compositor Macedo Neto. O casal não teve filhos, mas adotou uma menina (Maria Fernanda Virgínia da Rocha Macedo). Separaram-se três anos depois. Chegou a manter um romance com o músico e compositor João Donato, mais novo do que ela. Mas o namoro chegou ao fim, quando Donato foi morar no México.

Na madrugada de 23 de outubro de 1959, depois de um show na boate Little Club, a cantora saiu com amigos para uma festa no Clube da Aeronáutica. Ao sair da festa, resolveram 'esticar' no Kit Club. A cantora chegou em casa às sete da manhã. Ao dirigir-se para seu quarto, disse à empregada: "Não me acorde, estou muito cansada. Vou dormir até morrer." De fato, faleceu ainda naquela manhã, enquanto dormia. (Fonte:ICCA).

Compôs pérolas do nosso cancioneiro como “A Noite do Meu Bem”, “Castigo”, “Estrada do Sol”, “Se é por Falta de Adeus”, “Por Causa de Você” (as três últimas em parceria com Tom Jobim).

Na interpretação da própria Dolores Duran, duas das minhas preferidas.




“Por causa de você” (Dolores Duran/Tom Jobim) # Dolores Duran. Disco Copacabana (5.877-A) / Matriz (M-2143). Lançamento(março/1958).

“A Noite do Meu Bem” (Dolores Duran) # Dolores Duran. Disco Copacabana (6.069-A) / Matriz (M-2551). Lançamento (dezembro/1959).

 




Será que é fácil responder se ela foi melhor cantora ou melhor compositora? Pra mim é dificílimo.

O certo é que ela deixou sua marca – como uma indelével impressão digital – na música brasileira com obras incomparáveis e belíssimas interpretações.

************

Confiram a belíssima homenagem que nosso amigo n Almeida fez a Dolores Duran, em 31 de maio de 2010.

Outros posts de Gilberto Cruvinel, sobre Dolores Duran.

************

Exibições: 455

Comentário de Gilberto Cruvinel em 8 junho 2010 às 0:04
Que post mais sofisticado, Laura

Linda homenagem a uma compositora e cantora das mais sofisticadas que tivemos.
E a primeira foto dela eu ainda não tinha visto, a última sim. Ela era muito bonita.
Vejo que você também comprou a coleção Raizes da Folha.
Adorei seu post Laura e a homenagem do n almeida também muito bem feita.
E claro, tenho que agradecer pela lembrança do meu postado há tanto tempo,
e agora vejo, que estão completando exatamente 1 ano agora, veja só.

A Noite do Meu Bem com ela é das canções mais lindas que já ouvi.

Obrigado pelo belíssimo post e pelas canções
Beijo Laura
Comentário de Laura Macedo em 8 junho 2010 às 2:44
Gilberto,
Confesso que não estava lembrando do aniversário da nossa homenageada. Foi Gregório que me alertou hoje, às 18:h00. Minha primeira reação foi dizer que não daria tempo preparar nada em função de compromissos com outro trabalho.
Mas não é que bateu aquela vontade! Aí foi um corre-corre para scanear fotos (a primeira é do CDBOOK Carlos Lyra: Eu e a Bossa, por sinal, também, acho linda), selecionar músicas... e montar o simplório post.
Como diz o velho ditado: o que vale é a intenção. :))
Valeu pela participação, Gilberto.
Beijos.
Comentário de Gilberto Cruvinel em 8 junho 2010 às 12:00
Laura,

Você teve uma grande idéia neste post, você lembrou uma data importante e,
além de falar da cantora e suas músicas, colocou o link para outros posts
do mesmo assunto. Acho que é exstamente esse o espírito de uma ferramenta
como o Portal. Um lugar onde você conecta os assuntos, os posts, tudo numa rede.

Seu post fez a conexão entre tudo que já havia sido publicado no Portal sobre
a Dolores e isso é muito importante. Grande idéia Laura

Beijo
Gilberto
Comentário de Gregório Macedo em 10 junho 2010 às 2:05
Minha querida,
Você não tinha como deixar passar em branca nuvem os 80 anos dessa deusa fantástica Dolores Duran. Ficou bonita a homenagem. Parabéns por mais esse feito.
Beijos.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço