Eu vi Deus operando. 

Ele sarou-me as feridas ,

enxugou-me o  pranto.

Do pólipo na vesícula nem a cicatriz.

As orações  da terra subiram aos ouvidos do Senhor.   

Minhas noites ficaram mais serenas,

meus dias, mais amenos.

Os vermes da terra,

que já se moviam em minha direção ,

terão que esperar por mais  tempo. 

O  cadáver desapareceu.

A cortina de Deus,

a infinita aurora de Deus,

cobriu meu corpo de claridade.

E a  obscura noite,

a densa treva dos meus dias,

agora é passado.

Já via as flores enfeitando meu caixão,

eu  assim calado,

animal boiando em água imunda,

verme necrófago inebriado com o odor da morte.

E, então, o milagre aconteceu.

Meus lábios pronunciam louvores a Deus.

https://www.facebook.com/edevaldo.leal.9

Foto Via Google

Exibições: 98

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço