Caros,o estado burguês não se cansa de acumular capital para suas orgias milionárias a serviço da classe dominante.Se não bastassem os altos impostos à população que vive do salário,o alcáide da cidade do Rio de Janeiro,numa jogada oportunista,começou,nesta terça-feira última, a multar os cidadãos que jogarem papéis ,latas ,bitucas de cigarros e etc e tal nas ruas do centro.A multa mais baratinha é de apenas 157,00 !

 Ora,não houve uma campanha de educação massiva - e prolongada - antes de entrar em vigor esta lei do Sr.Paes,que foi aprovada pela Câmara de vereadores,o que,por si só,diante de uma cultura que remonta a ocupação da cidade do Rio de Janeiro pelo fujão D.João VI,que é de jogar dejetos nas ruas.Se caminharmos,observando detidamente,pelo centro do Rio verificaremos que as latas de lixos são insuficientes numericamente.

 Posso ser que eu estejado errado,e quem puder poderá me ajudar,mas em Paris,França,há, e a décadas uma campanha de conscientização à população parisiense de não jogar dejetos nas ruas e no Rio Sena( que vem sendo despoluído desde  o início dos anos de 1970),sem que,com isso,tenha uma cardápio de multas aos transeuntes que circulam pelas ruas desta cidade.Existem coletores da prefeitura parisiense em veículos específicos,haja vista o número enorme de cachorros,que coletam as fezes dos animais,sem que seja imposta alguma multa.

 O que o discípulo de César Maia deseja é ludibriar e furtar a população,alegando gastos desenecessários com a limpeza das ruas,deixando de contratar profissionais para coletar o lixo das ruas,está bem claro o seu obejtivo.É um abusurdo um trabalhador,que ganha em torno de 700 a 800 reais,pagar uma multa de 157 pilas por ter jogado um papel de uma balinha de hortelã - que não pagá-la terá o seu nome "sujo" no SPC e Serasa !

 Uma outra indagação:o que será de um morador de rua ou de um desempregado que revira há mais de um século as caçambas de lixos dos restaurantes e bares do centro da cidade em busca de restos de comida e que sempre joga resíduos no chão? Ele será multado? E se o morador de rua não tiver identificação,será detido?

Exibições: 224

Comentário de Marcos Carnavale em 21 agosto 2013 às 11:32

 Caros,esqueci-me de um detalhe importante. Ao invés, e é claro que esta tarefa não é primordial nem para prefeitura e nem para o governo estadual,de multar cidadãos por jogarem um papelznho de bala no chão das ruas do centro,não se despoluí a Baía de Guanabara ? Vocês já frequentaram as praias do Flamengo,Botafogo e da Ilha do Governdor ?

Comentário de Ariston Álvares Cardoso em 21 agosto 2013 às 15:39

Esse esdrúxulo novo sistema de assalto à economia popular do Rio de Janeiro, só poderia ser instituído pelo discípulo do César Maia, se isso pega nos demais Estados, ai estará instalada a ditadura de que tanto quer a direita brasileira, por enquanto já foi instalada em apenas 2 Estados, Goiás saindo na frente com Decreto governamental e  Rio de Janeiro, a Presidência da República está algemada  

Comentário de Lafaiete de Souza Spínola em 21 agosto 2013 às 21:06

Para onde vai esse dinheiro?

Sinto indignação, quando alguém joga lixo na rua, no lugar errado.

Porém, minha indignação é imensamente maior, quando esses senhores criam uma lei para tirar R$ 157,00 de quem recebe um mísero salário. É impagável!

Por que não estão preocupados em solucionar a educação e a saúde?

Por que não lutam por acabar o financiamento privado para as eleições? Isso é uma sujeira muito maior que qualquer lixo lançado, indevidamente, na rua. Quem vota a favor do financiamento privado nas eleições merece ser multado com a perda do mandato!

Comentário de Levi Ramos em 21 agosto 2013 às 21:54

Amigos, nós já pagamos fortunas em taxa de lixo p/ as empresas que não os recolhe. Elas cobram das prefeituras por toneladas que deveriam recolher. Invés de multar o cidadão, deveriam pagar ao cidadão se ele levar o seu lixo ao posto de recolhimento. Aposto que, se o lixo valer dinheiro p/ o povo, ele não o jogará no chão!  OBS: Pense bem, se o cidadão resolva multar os governantes por cada hora perdida nas filas dos postos de SAÚDE!

Comentário de Vera Delerue em 23 agosto 2013 às 17:19

Acho que só os sujismundos tem razão de reclamar. Se você é cônscio de sua limpeza não entendo a reclamação !!

Comentário de Marcos Carnavale em 24 agosto 2013 às 10:27

  Vera,antes de aplicar multas exorbitantes à população a prefeitura deveria ter feito uma política de conscientização sobre a necessidade de uma cidade limpa.Além do exemplo que eu citei sobre Paris,que não tem multa,vem despoluindo o rio Sena desde os anos 1970  e suas ruas são limpas porque também tem funcionários para a limpeza,Curitiba,que já foi citada,juntamente com ogotá,pelo arquiteto e urbanista dinamarquês Ian Ghel,como exemplo de mobilidade urbana entre os países periféricos,tem suas ruas no centro sempre (ou quase) limpas,sem aplicar multas ou outro tipo de coerção.

 Se esta moda pegar será  mais uma fonte de arrancar dinheiro dos trabalhadores.E por que o Paes não aplicar tal Lei no luxuoso bairro do Leblon ? Será que a elite não é sujona?

Comentário de Vera Delerue em 26 agosto 2013 às 1:15

Aff !

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço