Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro


O Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro, localizado na Praça Luiz Dantas (antiga Praça Rui Barbosa / Praça XV) vai mudar de cara e de endereço.


Do centro do Rio o MIS vai para a praia de Copacabana. O novo prédio será construido por arquitetos dos EUA, no lugar da boate Help, na Avenida Atlântica, e levará dois anos e meio para ficar pronto.



O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e a secretária de Cultura, Adriana Rattes, anunciaram (10/08/09) o projeto escolhido por unanimidade entre sete inscritos no concurso para o novo Museu da Imagem e do Som (MIS), a ser construído na Praia de Copacabana, no lugar onde há décadas funciona a discoteca Help.

O projeto vencedor é do escritório novaiorquino Diller Scofidio + Renfiro e derrotou concorrentes brasileiros e estrangeiros, inclusive um asiático.

A nova sede do Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro será um prédio de cinco pavimentos concebido como se fosse um fole de sanfona na horizontal, com espaços internos visíveis, com acesso para quem subir as escadas e rampas externas.

Abaixo, foto do projeto vencedor.




Os arquitetos se inspiraram no calçadão de Copacabana criado por Burle Marx. Eles usaram a longa faixa da tradicional calçada ondulada de pedras portuguesas de Copacabana, dobrando-a para a esquerda e para a direita, proporcionando a sensação de total integração à rua e às pessoas.

O projeto da Diller Scofidio + Renfiro facilita a percepção de quem acessa o museu pelas escadas e rampas inclinadas como se seguisse ainda no calçadão.

O novo MIS ocupará uma área de 7 mil metros quadrados na Avenida Atlântica, esquina com Rua Djalma Ulrich e incluirá biblioteca, videoteca, salas de exibição, café, restaurante, espaço para shows, palestras e outras intervenções culturais, inclusive ao ar livre.

Ao anunciar o resultado do concurso, o governador fez questão de se dizer filho de uma museóloga com um jornalista cultural, “que deu e colheu depoimentos no Museu da Imagem e do Som”. Cabral disse orgulhoso e emocionado de apoiar um projeto da envergadura do MIS. Ele lembrou que o espaço ocupado pela Help é hoje caracterizado “por prostituição e drogas” e seu resgate para a cultura será “um marco na vida do bairro e da cidade”.


Vejam matéria do Jornal da Globo, edição do dia 10/08/09.



Confiram fotos dos projetos concorrentes.












1- Projeto dos arquitetos Rodrigo Cerviño e Fernando Falcon.
2- Projeto do arquiteto Isay Weinfeld.
3- Projeto do arquiteto Daniel Libeskind












4- Projeto dos arquitetos Francisco de P. Marcelo Ferraz e Marcelo Suzikji.
5- Projeto dos arquitetos cariocas Bernardes e Jacoben.
6- Projeto do arquiteto Shigeru Bon (referência às formas das mulheres brasileiras e seus biquínis de praia).

*********
Fotos: Jornal Folha de São Paulo.
Texto: Adaptação de notícia publicada pela Agência Brasil (Luiz Augusto Gollo).
Vídeo: Site Rede Globo.

*********

Exibições: 638

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço