Nova proposta de paz de Daisaku Ikeda à ONU: "Rumo à Competição Humanitária: Uma nova corrente na história"

Proposta de paz de 2009 de Daisaku Ikeda, presidente da SGI, salienta “competição humanitária” para o desarmamento nuclear

Hoje, dia 26 de janeiro, Daisaku Ikeda, presidente da Soka Gakkai Internacional-SGI, divulgou sua proposta anual intitulada “Rumo à Competição Humanitária: Uma Nova Corrente na História”.

Analisando a crise econômica mundial, Ikeda questiona o amor abstrato da humanidade ao dinheiro, solicita que o foco se volte para as necessidades reais de pessoas reais e salienta que é preciso fortalecer as redes de segurança social. Para resolver a crise do capitalismo, defende uma mudança de paradigma para a “competição humanitária”, um conceito proposto inicialmente pelo fundador da Soka Gakkai, Tsunessaburo Makiguti, em 1903, no qual nações e indivíduos disputam para ver quem contribui mais para a sociedade mundial.

Para tornar a crise atual um catalisador para a mudança, ele recomenda uma ação conjunta para buscar soluções aos problemas ambientais, responsabilidade compartilhada e cooperação internacional no tocante aos bens públicos mundiais, e esforços conjuntos para a paz por meio do diálogo.

Para não perder a oportunidade de um progresso na abolição das armas nucleares, sugere uma cúpula EUA-Rússia o mais breve possível e uma série de cúpulas de cinco estados de todas as nações nucleares do Tratado de Não-Proliferação Nuclear -TNP para traçar um mapa para o cumprimento de suas obrigações desarmamentistas segundo o Artigo VI do TNP de 1968. Ele apóia convocações para uma Convenção sobre Armas Nucleares proibindo o uso, a fabricação, a posse, o posicionamento (deployment) e transferência de armas nucleares. Com o intuito de conquistar amplo apoio do público para tais iniciativas, a SGI lançou a “Década dos Povos para a Extinção das Armas Nucleares”, que emprega diversos instrumentos de educação pública e links com outros grupos como a Campanha Internacional para a Abolição das Armas Nucleares (ICAN).

Outros pontos específicos abordados na proposta: a criação de uma agência das Nações Unidas responsável pela energia sustentável; o estabelecimento de um Banco Mundial do Alimento para prover auxílio emergencial ou ajudar a estabilizar mercados em uma crise de alimentos; aumentar o uso das arrecadações solidárias internacionais para proporcionar fundos para os esforços referentes às Metas de Desenvolvimento do Milênio; e o fortalecimento da capacidade das Nações Unidas para cooperar com os agentes da sociedade civil e para funcionar como um think tank “capaz de oferecer visão orientada para o futuro e estratégias de ação baseadas em como será a cara do mundo daqui a 50 ou 100 anos.”

Essa é a 27ª proposta anual enviada a ONU por Ikeda, todo dia 26 de janeiro, para comemorar a data de fundação da SGI, associação budista com 12 milhões de membros em 192 países e territórios. As atividades de paz desenvolvidas pela organização fazem parte da longa tradição de humanismo budista.


(www.sgi.org ou www.daisakuikeda.org)

[Adaptado do press release emitido pelo Departamento de Informação Pública da SGI do Japão]

Exibições: 222

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço