O caso ENRON: Desregulamentação e bandidagem em um documentário imperdível

A ENRON foi a empresa símbolo dos anos 1990s. Sua ascensão e queda sintetizam as possibilidades e riscos da agressiva desregulamentação do setor de energia levada a cabo naqueles anos.

A experiência da ENRON antecipou muitas práticas empresariais e omissões regulatórias que haveriam de desembocar na grande crise financeira de 2008.

Nesse sentido, os eventos ocorridos na Califórnia em 2000 e 2001 não só paralisaram a reforma liberal do setor elétrico americano, como serviram de prenúncio de que algo muito maior ainda estava para acontecer.

Os acontecimentos relacionados ao 11 de Setembro esvaziaram o caso ENRON. No entanto, a serpente já estava sendo gerada e sairia do ovo sete anos depois.

O documentário abaixo conta essa história imperdível para aqueles que querem conhecer não só um evento clássico da desregulamentação dos mercados de energia, como entender os mecanismos por trás da desregulamentação dos mercados financeiros e suas conseqüências.

Exibições: 1340

Comentário de Sérgio Troncoso em 4 janeiro 2009 às 11:34
Ronaldo,o caso Enron é emblemático sôbre uma característica das mais caras aos ultra-liberais,que é a de como êles são "eficientes".A mentira neo-liberal conseguiu fazer muitas cabeças.Partiam da visão maniqueísta de que o estado só pode ser liberal ou comunista,e que portanto só atrapalha.E com isso escondendo a verdade insofismável,quer seja, o estado é um avanço na história social humana.O grau de intervenção tem que ser muito maior que o pregado por êles,mas menor do que o pregado pelos comunistas.Será que não haverá uma alma que finalmente lembrará e convencerá as pessoas que eficiência social,só pode partir do aparelho estatal?E cabe a sociedade torná-lo o mais permeável aos anseios da sociedade,fazendo-o o mais democrático possível.Obrigado e abraço,Sérgio.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço