O Impeachmente de Messias Bolsonaro é uma solução democrática.

  J.Messias Bolsonaro ,que era considerado um mau soldado pelo general-ditador Ernesto Geisel ( por isso Messias nunca o citou até hoje ) e foi um deputado do baixo clero,que passou por nove partidos ,e era visto como um excêntrico pelos seus discursos em defesa da ditadura e de torturadores notórios ,como Brilhante Ustra,chegou à presidência da República pelo voto direto e eleito foi por três motivos : o anti-petismo,a grave crise econômica-social e a facada que levou de um débil mental em Juiz de Fora.

 Empossado,Messias vem destilando ódio aos borbotões contra a mídia ,as mulheres ,aos índios,gays e sem contar a trolagem que faz( algo que ele imitou da extrema-direita dos EUA) ao comentar sobre deslizes de seu governo e de seus ministros,dentre eles o ignóbil e burro Weintraub,que não pode sequer ser diretor de uma creche,que fará ministro da Educação.

 A falsa perspectiva da retomada do crescimento enganou muita gente;o PIB de 2019 não ultrapassará 0,87 % e ,apesar do superávit da balança comercial,graças a China,foi o pior desde 2015.Bem ,não nos esqueçamos que emprego com carteira assinada teve o um crescimento pífio,sendo que o subemprego e o emprego informal superaram o emprego formal.

 O Impeachmente de Messias Bolsonaro,depois de declarações vulgares e misóginas contra a jornalista da Folha Patrícia Campos Melo,se faz necessário,pois extrapolou as sucessivas declarações escrotas de um presidente que se acha intocável pelo legislativo e judiciário.

   Está lavrado na Constituição Federal o artigo que zela pela probidade administrativa,tipificando como crimes de responsabilidade condutas como as exibidas pelo Messias Bolsonaro,atual chefe de Estado.O artigo Nono da Lei 1.079/50,que serviu de base para levar ao impeachment dois antecessores -F.Collor e D.Rousseff,o primeiro por corrupção e a segunda por pedalada fiscal -,também é passível de enquadrar Messias Bolsonaro por prática de improbidade,que prevê procedimentos contra a dignidade e a honra ,impedindo-o assim de seguir exercendo o comando do país.

 Em suma,Bolsonaro infringe a conduta e a liturgia de um chefe Estado e caberá ,agora,ao legislativo entrar com um pedido de impeachment ou até mesmo o STF.

 Que Messias fique dançando com Crivella em novos bailes evangélicos de Carnaval que estão por virem,mas que fique fora da presidência do nosso país.Basta de tanto ódio ! Basta de tantos vexames que o Brasil vem passando com este homem que tem um claro distúrbio mental !

Exibições: 17

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço