Portal Luis Nassif

Severino Rangel de Carvalho interpretando suas Composições

Nascido na Paraíba, em Itabaina, Severino Rangel de Carvalho (1896-1972) ainda menino, já tocava piston (trompete) na bandinha da sua cidade natal.

Adorava tocar, ao pistom, a polca “Rato Rato”, de Casemiro Rocha, daí veio o apelido de “Ratinho”. Em 1914, mudou-se para Recife, considerado o grande centro cultural da região Nordeste e, um ano depois, já integrava a Orquestra Sinfônica tocando oboé.

Foi, também, no Recife que conheceu, em 1919, José Luiz Rodrigues Calazans, com quem, a partir de 1927 e até 1972, formaria a dupla caipira batizada de Jararaca e Ratinho. O enorme sucesso da dupla ofusca, de certa maneira, a carreira de Ratinho como instrumentista.

É a sua atuação como compositor/instrumentista que destacaremos nesta postagem.

 

O choro “Brincando” introduz a arte de Ratinho, com uma excelente execução do compositor ao sax-soprano.

Brincando” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho]) # Ratinho (saxofone). Disco Victor (33.243-A), 1930.

No estilo dolente das valsas “Dolorosa saudade”, “Saudade imorredoura” e do choro “Lamentos”, Ratinho explora ao sax-alto o lirismo de sua veia de compositor.

Dolorosa saudade” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho]) # Ratinho (saxofone). Disco Odeon (12.954-A) / Matriz (8535). Gravação (05/07/1949) / Lançamento (outubro/1949).

Saudade imorredoura” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho]) # Ratinho (saxofone). Disco Odeon (11.761-B) / Matriz (6096). Gravação (19/05/1939) / Lançamento (setembro/1939).

Lamentos” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho]) # Ratinho (saxofone). Disco (11.916-A) / Matriz (6421). Gravação (08/07/1940) / Lançamento (novembro/1940).

As valsas “Não me compreendeste” e “Quero-te sempre” (esta executada ao sax-soprano) são melodias de típico sabor roceiro.

Não me compreendeste” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho]) # Ratinho (saxofone). Disco Odeon (11.594-A) / Matriz (5649). Lançamento (maio/1938).

Quero-te sempre” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho]) # Ratinho (saxofone). Disco Odeon (12.795-B). Lançamento (julho/1947).

Composições com espírito mais cômico de Ratinho podem ser ilustradas como o ‘choro' “Pinicadinho” e no ragtime “Eu e eles”.

Pinacadinho” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho] / Jararaca) # Ratinho (saxofone). Disco Odeon (12.795-A) / Matriz (8206). Gravação (09/04/1947) / Lançamento (julho/1947).

Eu e eles” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho] / Jararaca) # Ratinho (saxofone). Disco Odeon (10.762-A). Lançamento (setembro/1930).

Encerro com o seu maior sucesso, o clássico “Saxofone, por que choras?

Saxofone por que choras?” (Severino Rangel de Carvalho [Ratinho]) # Ratinho (saxofone). Disco Odeon (10.656-B) / Matriz (3672). Lançamento (agosto/1930).

 

***********

Fontes:

- Áudios SouldCloud / Montagem: Laura Macedo.

- Banco de Dados Acervo Nirez.

- Fotos: Internet / Acervo pessoal.

- Projeto Memórias Musicais: 15 CDs com a restauração de gravações feitas entre 1902 e 1950. Produção: Sarapuí / Biscoito Fino.

- Site YouTube / Canal: “SenhorDaVoz”.

- Um sopro de Brasil, de Myriam Taubkin (Org.). São Paulo, Projeto Memória Brasileira, 2005.

************

Exibições: 204

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2017   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço