Onze desembargadores votaram pela aposentadoria de juiz de Mato Grosso acusado de pedofilia. Mas julgamento não acabou

PEDOFILIA: Onze desembargadores votaram pela aposentadoria de juiz Fernando Márcio Salles, acusado em Paranatinga. Ornellas e mais três votaram a favor do juiz. Juvenal Pereira pediu vista e Jurandir de Lima, Juracy Persiani, Márcio Vidal, Carlos Alberto, Gerson Paes e Alberto Ferreira também ainda não votaram.

Na foto, Brooke Shields em "Pretty Baby", do diretor Louis Malle, já falecido. O filme, de 1978, um clássico sobre a pedofilia, conta a história de Violet (Brooke), a filha de uma prostituta (Susan Sarandon) que é criada em um bordel, onde cuida do seu irmão e se prepara para seguir os passos da mãe. Com doze anos tem sua virgindade leiloada e logo depois se casa com um fotógrafo (Keith Carradine) bem mais velho do que ela.

 

JUIZ ACUSADO DE PEDOFILIA Defesa comemora julgamento e diz que PAD é nulo

por Antonielle Costa

O advogado de defesa do juiz Fernando Márcio Salles afirmou, por meio de nota, que “considerou uma vitória processual o reconhecimento por parte de alguns membros do Tribunal de Justiça que as provas existentes nos autos não serão suficientes para conduzir a qualquer sanção em desfavor do magistrado”.

O juiz é acusado de pedofilia no município de Paranatinga – onde atuava como magistrado e por isso responde a um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) que está em julgamento no TJ.

Na primeira sessão, o resultado foi adiado em função de um pedido de vista do desembargador Rui Ramos.

Já nesta sexta (22) após vários magistrados votarem pela aplicação da pena máxima administrativa – que é a aposentadoria compulsória – iniciou-se um debate sobre as provas contidas nos autos, uma vez que o juiz alega que houve cerceamento de defesa.

Com a discussão, o desembargador Juvenal Pereira pediu vista para analisar melhor os autos. O julgamento deve ser retomado na próxima sessão administrativa.

Conduta incompatível

O relator Luiz Carlos da Costa afirmou em seu voto que a conduta do magistrado é incompatível com a magistratura e pediu a aposentadoria proporcional ao juiz por tempo de serviço.

Votaram pela aposentadoria: Luiz Carlos da Costa, Luiz Ferreira, Pedro Sakamoto, Marilsen, Rondon Bassil, Orlando Perri, Maria Aparecida, Rubens de Oliveira, Maria Helena, Clarice Claudino e Marcos Machado.

São contra a punição: os desembargadores: Manoel Ornelas, Rui Ramos, Sebastião de Moraes e Dirceu dos Santos.

Aguardam o pedido de vista: Jurandir de Lima, Juracy Persiani, Márcio Vidal, Carlos Alberto, Gerson Paes e Alberto Ferreira.

Confira a nota na íntegra:

“A Defesa do juiz Fernando Sales considerou como uma vitória processual o reconhecimento de que as provas existentes nos autos não serão suficientes para conduzir à qualquer sanção em desfavor do magistrado. O Tribunal de Justiça discutiu profundamente as questões preliminares suscitadas pela Defesa e ainda não chegou a uma conclusão, considerando o pedido de vista realizado pelo ilustre Desembargador Juvenal Pereira. Aguardamos o desiderato dessas fecundas discussões plenárias. Certamente, os julgadores concluirão que o processo não só é nulo, como as provas não foram produzidas com o necessário contraditório, oportunizando à Defesa novas oportunidades de demonstrar a inocência do juiz”.

FONTE MATO GROSSO NOTICIAS

———————–

ENTENDA O CASO

Juiz afastado afirma que está muito abalado e nega pedofilia

Sissy Cambuim RD NEWS – 21 DE AGOSTO DE 2010

Investigado por suspeita de envolvimento em crime de abuso sexual contra menores, o juiz da Infância e da Juventude de Paranatinga, Fernando Márcio Marques de Sales, que foi afastado do cargo na última quarta (18), resolveu quebrar o silêncio. “Silenciei-me até então por não ter condições emocionais mínimas de me manifestar, porém destaco com veemência que minha consciência está tranquila, serena, pois sou ciente do que fiz e, principalmente, do que não fiz”, declarou.

Ele ressalta que mesmo que não tivesse sido obrigado a deixar a função temporariamente, teria requerido o afastamento até a apuração necessária dos fatos. Além do afastamento, o Tribunal de Justiça (TJ) cancelou a portaria que determinava sua transferência para acumular as comarcas de Cotriguaçu e Colniza.

As acusações tiveram início com um denúncia formulada por uma mulher à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pedofilia, instaurada pelo Senado. A Polícia Federal investigou o caso e encaminhou o material ao TJ, que o apura em sigilo. “Os fatos que envolvem meu nome foram colocados de maneira totalmente inverídica e estão sendo apurados em segredo de Justiça. No entanto, a exposição do meu nome, antes de finalizadas as investigações, denigrem de forma irreparável a minha vida pessoal”, afirmou o magistrado.

Eis, abaixo, a íntegra da nota enviada pelo juiz Fernando Sales: “Primeiramente, agradeço a todos que manifestaram apoio nesse difícil momento pessoal e profissional e, principalmente, a Deus.    Ressalto que os fatos que envolvem meu nome, lamentavelmente, foram colocados de maneira totalmente inverídica e estão sendo apurados, em segredo de Justiça, pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso; no entanto, a exposição do meu nome, antes mesmo de finalizadas as investigações e de um pronunciamento judicial definitivo, denigrem de forma irreparável a minha vida pessoal, meu casamento, a relação com meus filhos, minha vida profissional, honra e minha imagem.    Encontro-me atualmente afastado do cargo de magistrado e mesmo que não o fosse, requereria tal afastamento temporário, para que a apuração necessária seja realizada de forma legal, proba e desvinculada de qualquer sugestão de mácula, esperando que sejam os procedimentos levados até as últimas consequências, na busca da verdade real.    Silenciei-me até então por não ter condições emocionais mínimas de me manifestar, porém destaco com veemência que minha consciência está tranqüila, serena, pois sou ciente do que fiz e, principalmente do que não fiz.”    Paranatinga, 21 de agosto de 2010.    Fernando Márcio Marques de Sales    Juiz de Direito

————————————

10 Filmes sobre Pedofilia
Este é um daqueles assuntos que temos medo até de mencionar, um tabu dos mais pesados, que nos incomoda. Mas o cinema gosta de polêmicas…
Tecnicamente, a pedofilia é um desvio sexual, caracterizado pela atração de um adulto ou mesmo adolescente por crianças pré-púberes (até por volta dos 12 anos de idade).
Existem dezenas de bons filmes calcados no tema e, em quase todos, o adulto termina mal.
Esta lista traz 10 desses filmes.
1. http://www.chasingthefrog.com/ClassicPosters/Kubrick/lolita1.jpg" /> Lolita (o professor Humbert Humbert – o genial James Mason – aluga um quarto na casa de uma viúva, que mora com sua filha Dolores, de 12 anos, por quem fica fascinado. a ponto de concordar em casar com a viúva, só para ficar perto da menina. para complicar surge um vilão ainda mais doentio – Peter Sellers. grande filme de Stanley Kubrick baseado no polêmico livro de Vladimir Nabokov. foi desnecessariamente refilmado por Adrian Lyne em 1997)
2. http://www.impawards.com/2003/posters/capturing_the_friedmans_ver2.jpg" /> Na Captura dos Friedmans (um documentário tocante e instigante sobre um respeitado professor, preso em 1987, junto com seu filho de 18 anos, sob a acusação de abusar de menores. na época, a história causou grande repercussão, colocando a comunidade contra a família, que desintegrou-se. a partir de filmes caseiros, o diretor reconstrói os fatos, deixando no ar a dúvida da culpa. quem se lembra da escola Base?)
3. http://www.mattfind.com/12345673215-3-2-3_img/movie/g/w/v/mysterious_skin_2004_580x798_375803.jpg" /> Mistérios da Carne (dois rapazes, abusados na infância pelo treinador de beisebol, lidam de maneira bem diferente com o fato. um deles, traumatizado, apagou o abuso da memória e acredita ter sido abduzido por alienígenas. o outro – o excelente Joseph Gordon-Levitt -, se torna um bad boy e garoto de programa. de longe o melhor filme do cineasta – de filmes de temática gay – Greg Araki)
4. http://movieposters.2038.net/p/Pretty-Baby.jpg" /> Menina Bonita (em 1917, a bela filha de 12 anos de uma prostituta – Brooke Shields e Susan Sarandon respectivamente -, mora com ela num bordel e se prepara para seguir os passos da mãe. tem sua virgindade leiloada e, logo depois, se casa com um fotógrafo bem mais velho – Keith Carradine. um bom filme de Louis Malle, com linda fotografia de Sven Nykvist, mas que hoje não seria feito)
5. http://www.movieposter.com/posters/archive/main/6/A70-3120" /> Felicidade (a história da vida disfuncional de três irmãs, uma delas é mãe de três filhos e feliz casada com um psiquiatra – Dylan Baker. infelizmente ele tem uma fascinação por meninos, os colegas do filho de 11 anos, fantasia sobre um assassinato em massa no parque e se masturba vendo revistas adolescentes… simpático, não? uma pequena obra-prima de Todd Slodonz, que tem ainda mais uma ótima participação de Philip Seymour Hoffman)
6. http://www.celebritywonder.com/mp/2006_Hard_Candy/movieposter.jpg" /> Menina Má.com (uma garota de 14 anos – Ellen Page, a Juno – marca um encontro com um fotógrafo de 32 anos, que conheceu na internet. ele fica fascinado pela garota e a convence a ir até sua casa. mas as coisas não são como parecem e ela executa uma vingança planejada contra quem ela acredita ser um pedófilo e possível assassino. filme do diretor de clipes David Slade)
7. http://cdn2.ioffer.com/img/item/143/969/613/WIaD96OgW0nY3E0.jpg" /> For a Lost Soldier (um soldado canadense na Holanda no final da segunda desenvolve uma forte amizade com um menino de 12 anos, que está na casa de parentes. a história é contada pelo ponto de vista do garoto e, com alguma sutileza, sugere sua iniciação sexual. é uma história de amor arriscada de se contar, que procura não fazer juízo da relação, e acho que não seria mostrada se o filme não fosse holandês)
8. http://www.impawards.com/1976/posters/little_girl_who_lives_down_the_lane.jpg" /> A Menina do Fim da Rua (Jodie Foster é uma garota de 13 anos, que vive sozinha numa casa e sempre inventa uma desculpa para seu pai estar ausente. seu maior problema é a mulher que alugou a casa para seu pai e seu filho pedófilo – Martin Sheen, repulsivo. ela fará qualquer coisa para proteger sua independência e seu segredo)
9. http://www.celebritywonder.com/mp/2006_Little_Children/movieposter.jpg" /> Pecados Íntimos (Jack Earle Haley – indicado ao Oscar – é um pedófilo condenado, que sai em liberdade condicional para morar com a mãe, que tenta reintegrar-se à sociedade que o condena e persegue. a história corre paralela ao relacionamento extra-conjugal de dois pais de crianças que frequentam o parque – Kate Winslet e Patrick Wilson. a cena do pedófilo entrando na piscina e todos saindo é emblemática)
10. http://www.impawards.com/2004/posters/woodsman_ver2.jpg" /> O Lenhador (depois de 12 anos preso por molestar garotinhas entre 10 e 12 anos, Kevin Bacon sai em condicional e consegue um emprego. seu maior problema é que só consegue uma apartamento a menos de 100 metros de uma escola. mas tenta reconstruir a vida, quando percebe um pedófilo rondando os garotinhos da escola. hollywood)
PS: (Filme sobre o tema visto depois da lista ter sido elaborada)
11. Michael (incômodo e revoltante, este filme austríaco de 2011 conta a história de um homem de 35 anos que mantém no porão de sua casa um garoto de 10 que ele sequestrou para abusar dele regularmente)

 
 

Exibições: 1356

Comentário de Ariston Álvares Cardoso em 26 fevereiro 2013 às 12:54

Quando alguém diz que o Judiciário brasileiro é corrupto, bandido e prostituído  salvo exceções, alguns togados, justamente os indicados sentem sangue na boca com vontade de levar para a penitenciária o cidadão que acusa, mas as provas incontestáveis estão aí acontecendo instante a instante principalmente depois que a heroína Eliana Calmon, indignada com essa situação abriu a boca e soltou o verbo. Quando o Brasil se livrará desse câncer na sua Justiça?

Comentário de Ariston Álvares Cardoso em 26 fevereiro 2013 às 13:00

 

UM CIDADÃO COMETE UM CRIME, VAI PARA UMA PENITENCIÁRIA, UM JUIZ DE DIREITO COMETE VÁRIOS HEDIONDOS E IMORAIS CRIMES E VAI PROMOVIDO. ESTE É O O PAIS QUE EXIGE RESPEITO

Comentário de Clailton Kitter Ferreira em 27 fevereiro 2013 às 1:19

   É a nossa querida(!) democracia. Uns enchem a boca, outros lutam contra tanto pois estamos ou permanecemos - conformismo ou inércia - numa NÃO DEMOCRACIA. E em tal que os abusos são cometidos. Eu falo - jamais me escutarão - que um abuso abre espeço para o próximo abuso. Se fosse tua filha ou filho. Eu saberia o que cometer, como um americano. Quem sabe mais revolta com doses de coragem e intrepidez converta o povo brasileiro em atuação combativa. Mudaria a situação, certamente.

    Mas há hipocrisia, há provação, há armadilhas. Um dia eu li uma história verdadeira de uma garota que se indignava que a mãe não a tratava como mulher como gostaria de ser. Escutava a mãe à noite ao gemidos. Um dia com o macho da dita, a garota atirou água sobre o corpo e provocou o tal a ponto dos finalmente. A mãe soube, e do dia em diante tratou-a como mulher. mas dispensou o macho. Narrado - a menina - enviou para uma revista publicar a história.

    Que reducionismo, como mulher representar tão-somente ser possuída. Educação, mais cultura, abrir cabeças.

   Temos um Judiciário hermético, um Legislativo promíscuo e um Executivo burocrático. Porém o brasileiero se sente confortável com a situação,e se a situação econômica se elevar a boca se cala como tíveessemos conquistados o Eldorado. Para que gritar: temos mulheres bonitas, cervejas e samba nos trópicos de Belém. E os sinos tocam: Amém! Amém! Amém!

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço