Orquestra de Kinshasa - única Orquestra Sinfônica da África Central



O que parecia impossível à cidade de Kinshasa , capital do Congo, situada na África Central, onde grande parte de sua população sofre com combates, estupros e mutilações, aflorou, com a criação da Orquestra Sinfônica de Kinshasa.

Mas para que essa “florada” acontecesse, foi preciso adubar com a mais fina sensibilidade que habita o âmago tão sofrido daquele povo. Sobreviver já é uma grande façanha e, com arte, ela torna-se maior ainda.

Maestro Armand Diangienda


A ideia de formar uma grande orquestra nasceu de um sonho de Armand Diangienda, neto de Simon Kimbangu – mártir na luta contra os poderes coloniais belgas -, um dos líderes da igreja Kimbanguista, uma seita cristã com mais de cindo milhões de fiéis, só no Congo.

Há 16 anos, contando apenas com quatro amigos músicos autodidatas, começou pacientemente a ensinar solfejo e a prática instrumental a um grupo de fiéis da igreja. Esse grupo formado por pintores, cabeleireiros, costureiras, estudantes, desempregados - fermentou -, superando carências de todos os tipos (alguns construíram seus próprios instrumentos), graças à força interior de cada um na realização do sonho de formarem uma orquestra e traduzirem obras de Haendel, Mozart, Beethoven e do universo da música folclórica congolesa.



O vídeo abaixo fala por si só....


Congo - Classical Symphony Orchestra in Kinshasa - Carmina Burana
(Depoimentos de alguns membros da Orquestra retratando seus cotidianos)



O filme intitulado “Kinshasa Symphony”, realizado na capital do Congo, no verão/outono de 2009, pelos diretores alemãs Claus Winsmann e Martin Baer acaba de ser lançado no Festival de Berlim 2010.



O documentário mostra como a população que vive numa das mais caóticas cidades do mundo, têm a capacidade de criar um dos mais complexos sistemas de cooperação humana alguma vez inventado: uma orquestra sinfônica.

Mostra também o cotidiano de alguns dos 185 músicos e dos 110 elementos do coro, incluindo ensaios e como eles conseguem a mágica interação entre a paixão pela música com suas atividades profissionais. Enfim é um filme sobre o Congo, sobre a população de Kinshasa e sobre música.

Trailer do Documentário Kinshasa Symphony





“O diretor Claus Wischmann, 43 anos, de Berlim, já foi um pianista clássico. Este pode ser parte do motivo para ter se convencido imediatamente quando Petra Schmitz, uma produtora da emissora de rádio pública “RBB”, teve a ideia de documentar o trabalho da única orquestra sinfônica da África Central.

Em 2006, Schmitz soube por meio de um soldado da Bundeswehr, as forças armadas alemãs, que as forças de paz posicionadas em Kinshasa queriam levar instrumentos musicais consigo.

A orquestra amadora da cidade foi duramente afetada pelos saques durante os mais recentes distúrbios e agora estava tocando flautas feitas de pedaços de canos de PVC, com os buracos perfurados ao longo do comprimento. Wischmann e o diretor de fotografia Baer, 47 anos, voaram para Kinshasa e foram imediatamente arrebatados pelos sons da cidade e da orquestra, pela coragem dos músicos e pela poesia bizarra de todo o empreendimento
”. (Elke Schmitter com tradução de Goerge El Khouri Andolfato).

Fotos que falam por si só...








Edgar Mbidiamanbu-Lelo



Josephine Msimba-Mpongo





Ontem quando li na página de abertura do meu navegador a notícia sobre a única orquestra da África Central confesso que deixei tudo que tinha planejado de lado e, imediatamente, passei a pesquisar o assunto. Quanto mais eu avançava mais a emoção me dominava, como ainda domina nesse instante...

A luta empreendida por aqueles que acreditam na realização de um sonho, mesmo quando todos os indicadores apontam para a direção oposta, é louvável em todos os sentidos.

Que pipoquem no mundo todo exemplos que consolidem cada vez mais a Música e as Artes, em geral, como fatores determinantes de mudanças nos planos interpessoal e, em conseqüência, intrapessoal.

Vida longa à ORCHESTRE SYMPHONIQUE KIMPHONIQUE!!


************
Fontes:

- UOL Notícias Internacional
- Kinshasa Symphony Link

************

Exibições: 759

Comentário de BLOG DAS IGUARIAS - em 28 setembro 2010 às 5:05
Laura:
Merecidíssimo brinde ao seu post. Tô com saudades. Bjs ao casal.

Comentário de Laura Macedo em 28 setembro 2010 às 22:19
Carmen,

Também estamos com saudades. Retribuimos com todo carinho o chiquerrimo brinde e os beijos.
Boa sorte e sucesso no trabalho.
Beijos.
Comentário de Ivanisa Teitelroit Martins em 20 agosto 2011 às 23:20
Laura, que beleza em arte e consciência social e política! Você me permite dividir com você sua página no facebook! Você é muito sensível e uma pesquisadora maravilhosa! Beijo
Comentário de Laura Macedo em 21 agosto 2011 às 0:19

Querida amiga Ivanisa,

A emoção do post soma-se a emoção do seu comentário generoso...

Beijos.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço