Mostrem os dentes, ordena o rei aos miseráveis do reino, sala de sombras, onde desfilam o medo, a estupidez e a desonra.

Ai dos  que não se curvam em gentileza às cestas de bondade, o medo mastigado nos pães amassados, servidos a homens sem liberdade.

Obrigado pelo pão, pela diversão e pela vida, gritam em coro os miseráveis do reino,

cinzas saídas do ventre, parasitas, submissos, lacaios de vozes reprimidas.

Inquilino da vaidade, sua majestade  passa, solene,  ereto como uma pedra, e  seu olhar busca nas ruas  o aplauso dessa gente  tosca.

Ninguém o incomoda, nenhuma palavra sai daquelas bocas tortas.

Foto via Google.

 

Exibições: 60

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço