PALAVRA DE ORDEM DOS BLOGUEIROS: FOGO CERRADO CONTRA A VEJA


PALAVRA DE ORDEM DOS BLOGUEIROS: FOGO CERRADO CONTRA A VEJA

Por Jadson Oliveira, 28.05.2012 do Fazendo a Média 

Conceição Oliveira, Altamiro Borges e Leandro Fortes na mesa da plenária final (Foto: Manoel Porto)

De Salvador (Bahia) – Os blogueiros, chamados progressistas, decidiram na plenária final do seu terceiro encontro nacional, ontem, dia 27, em Salvador (no Hotel Sol Bahia), centrar fogo contra a Veja, revista semanal do grupo Abril que se tornou a ponta de lança da ultradireita brasileira e que teve exposta publicamente sua cumplicidade com a quadrilha do bicheiro Carlinhos Cachoeira, objeto de investigações da Polícia Federal, do Ministério Público e da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) no Congresso Nacional.

Veja e outros órgãos da velha mídia (ou do PIG, Partido da Imprensa Golpista, expressão muito difundida pelo blog “Conversa Afiada”, de Paulo Henrique Amorim) já tinham elegido os blogueiros, chamados por eles de “sujos”, como um de seus inimigos preferenciais.

O enfrentamento com a revista da Abril, um dos poucos grupos que monopolizam as comunicações no Brasil, foi discutido e aprovado entre as propostas de ação política. Os blogueiros vão pressionar, inclusive através de audiência com autoridades do governo federal, visando a suspensão de verbas publicitárias para a Veja, e vão patrocinar uma representação na Justiça contra a revista. Também prometem twitaços semanais ou quinzenais com a mensagem “Civita na CPI”, referência ao dono da Abril, Roberto Civita.

Paulo Henrique homenageia Castro Alves: leu trechos de "O livro e a América" (Foto: Manoel Porto)

Outra decisão do encontro, com 292 participantes de 18 estados – reunidos em painéis, audiência pública, grupos de trabalho e oficinas nos dias 25, 26 e 27 de maio -, foi aumentar a pressão para que o governo federal avance rumo à instituição do marco regulatório da mídia, em especial a regulação das concessões de rádios e TVs, propriedade pública que sempre é tratada pelos monopólios da comunicação (tratamento referendado pelos governos) como privada.

Foi um dos temas mais discutidos pelos blogueiros. Tal pressão será incrementada em parceria com o Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC), entidade que vem há bastante tempo desenvolvendo um trabalho nesse sentido. Houve palestras e debates sobre vários outros aspectos da atuação da blogosfera e da defesa da liberdade de expressão, como a luta pelo marco civil da Internet, direito de resposta, direitos humanos e a atuação da mídia nas eleições da Venezuela (no próximo 7 de outubro).

Ações políticas: ampliar nas redes e também ganhar as ruas

Altamiro Borges, do “Blog do Miro”, presidente do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé, entidade que organiza os encontros dos blogueiros, enfatizou a nova orientação que deve guiar os passos do movimento: avançar para fora através de ações políticas, ou seja, não interessa mais os blogueiros ficarem falando entre eles, como aconteceu até agora nesses últimos dois anos, marcados pela realização de três encontros nacionais: em São Paulo, Brasília e agora Salvador.

Grupo de Trabalho: avaliação, críticas e sugestões no último dia (Foto: Jadson Oliveira)

“Foi uma etapa válida, mas temos que avançar”, disse. E avançar significa ampliar a ação nas redes e também ganhar as ruas. E principalmente: interagir, atuar junto com a juventude. A meta – ou o sonho, talvez seja a palavra mais apropriada – é fazer um próximo encontro em 1914 com 1.000 a 2.000 participantes, a grande maioria formada por jovens com idade em torno dos 20 anos.

A plenária final, já meio esvaziada porque muitos já estavam embarcando para seus estados, acabou quase 3 horas da tarde de domingo. Foi fechada com a aprovação do conteúdo da Carta de Salvador, cuja redação definitiva ficou a cargo de uma comissão dirigida por Leandro Fortes, da revista Carta Capital e do blog “Brasília, eu vi”. A mesa dirigente da sessão foi composta por Miro, Leandro e Conceição Oliveira, do blog “Maria Frô”.

(*) Jadson Oliveira é jornalista baiano e vive viajando pelo Brasil, América Latina e Caribe. Atualmente está em Salvador (BA). Mantém o blog Evidentemente (blogdejadson.blogspot.com).

Exibições: 105

Comentário de Zanuja Castelo Branco em 1 junho 2012 às 18:27

Assino em baixo.

Comentário de José Roque da Silva Neto em 1 junho 2012 às 19:27

Assino em baixo também. Se eu já nutria ódio e desprezo  pela óia, imaginem agora meu sentimento!!

Comentário de Marco Antônio Nogueira em 1 junho 2012 às 19:32

 

Por que só em 2014 novo encontro?

Por que não um encontro anual?

Em 12 meses acontece muita

coisa com rumos diferentes,

que exigem a mudança

de estratégias.

Ou não?!

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço