Para deslegitimar o PT, vale tudo: cidade com alto desempenho cultural vira a folclórica "Sucupira"

Maricá está inserida na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, tem 150 mil habitantes, mas juiz compara a cidade à ficcional "Sucupira".

"Sucupira era o nome de uma [pequena cidade no interior da Bahia, numa...] novela de Dias Gomes, O Bem-Amado, transmitida pela Rede Globo nos anos 1970 – era uma cidade onde reinava a demagogia política e que agora reforça em Maricá o preconceito contra o PT." (RBA)

***

Rede Brasil Atual

por Redação RBA - publicado 02/10/2016

(...)

Em junho deste ano, foi realizado por iniciativa da prefeitura da cidade o Festival da Utopia, que projetou a imagem de Maricá entre as forças progressistas da política, com participação de ativistas, intelectuais, artistas, políticos e rebeldes de todas as partes do planeta, com o desafio de construir uma nova utopia para as esquerdas.

Na sexta-feira (30), o juiz do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ), Marcello Rubioli, disse ao jornal carioca Extra que a cidade se transformou em uma “Sucupira” da fiscalização, ao questionar a legitimidade de doações de cidadãos feita à campanha de Fabiano Horta. Sucupira era o nome de uma [pequena cidade no interior da Bahia, numa...] novela de Dias Gomes, O Bem-Amado, transmitida pela Rede Globo nos anos 1970 – era uma cidade onde reinava a demagogia política e que agora reforça em Maricá o preconceito contra o PT.

Segundo o juiz, doadores da campanha de Horta teriam interesse em sua eleição para continuar ocupando cargos na prefeitura da cidade e eles serão investigados para apurar se houve lavagem de dinheiro nessas doações.

Leia reportagem completa: http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2016/10/em-marica-pt-ven...

Exibições: 123

Comentário de Nena Noschese em 5 outubro 2016 às 23:06

RESISTIREMOS COM BRAVURA.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço